Governador anuncia R$ 14,7 milhões para pavimentar ruas de Ponta Grossa

Serão requalificados 14 quilômetros nas localidades Parque dos Sabiás, Vila Moisés Lerner, Santo Antônio, Ronda, Jardim Carvalho, Neves, Uvaranas e Distrito Industrial. Ação integra o maior pacote de investimentos em asfalto da história do município.
Publicação
30/05/2022 - 13:10

Confira o áudio desta notícia

Além de confirmar a construção da nova sede da Polícia Científica, o governador Carlos Massa Ratinho Junior anunciou nesta segunda-feira (30) em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, o repasse de R$ 14.732.992,90 para a pavimentação de vias urbanas do município.

Serão requalificados 14 quilômetros nas localidades Parque dos Sabiás, Vila Moisés Lerner, Santo Antônio, Ronda, Jardim Carvalho, Neves, Uvaranas e Distrito Industrial. A contrapartida da prefeitura é de R$ 3.956.729,14.

O montante será complementado com recursos da União, compondo, assim, o maior programa de revitalização de vias urbanas da história de Ponta Grossa. A prefeitura confirmou, também nesta segunda, a contratação de R$ 72.428.551,68 através de operação de crédito junto à Caixa Econômica Federal, por meio do programa de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa), para pavimentação.

Os convênios com o Estado, destacou Ratinho Junior, integram Programa de Transferência Voluntária da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas (Sedu). Ou seja, sem a necessidade de pagamento por parte do Executivo municipal.

“É o maior pacote de investimentos da história de Ponta Grossa, um compromisso que eu tinha com a cidade. Agora, somando os recursos municipais, estaduais e federais, ultrapassa o montante de R$ 100 milhões em asfalto”, afirmou.

“Esse é só o começo. O primeiro lote de um total de quatro que vamos fazer na cidade. É isso que ajuda a melhorar a qualidade de vida das pessoas. E o Governo do Estado quer os paranaenses felizes”, destacou Ratinho Junior. Os trechos receberão serviços de terraplenagem, base e sub-base, revestimento, meio-fio, sarjeta, urbanização, sinalização de trânsito, rede de drenagem e iluminação pública.

“A implantação do asfalto mexe com a autoestima das pessoas. É o fim do barro, da poeira, a valorização da propriedade. Essa região de Ponta Grossa necessitava desta parceria entre Estado e município para fazer com que essas pavimentações acontecessem”, disse o secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas, Augustinho Zucchi. “Mas não é só em Ponta Grossa. Há obras assim espalhadas pelos 399 municípios do Paraná”.

PARCERIAS – Os anúncios integram o banco de projetos municipal. De acordo com a prefeita de Ponta Grossa, Elizabeth Schmidt, a parceria com o Estado tem sido fundamental para concluir a meta de chegar a 2024 com 100% das ruas urbanas asfaltadas. Ela estima que o índice atual é de 70%.

“Estamos unindo esforços em busca desse objetivo tão audacioso, que causará um impacto enorme na comunidade. O Estado entendeu o nosso propósito e tem sido um grande parceiro”, disse. “É emblemático começar por bairros que pareciam não integrar o mapa da cidade, em que o asfalto chegava até uma altura e depois não avançava. O projeto é para toda Ponta Grossa”.

ETAPAS – O Paranacidade, vinculado à Secretaria do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas, é quem faz a análise técnica do projeto, que inclui capacidade de endividamento do município, análise do projeto executivo de engenharia e da documentação apresentada, exigências legais para aprovação e liberação do recursos.

Após essa etapa é emitido o edital de licitação e edital de homologação, que autoriza a prefeitura contratar a empresa que vai executar o projeto. Com a obra em andamento, o Paranacidade acompanha a execução e faz relatórios sobre os percentuais já cumpridos. De acordo com o percentual executado, a Sedu libera a parte correspondente do investimento para a prefeitura.

PRESENÇAS – Participaram do evento os secretários estaduais Fernando Furiatti (Infraestrutura e Logística), Wagner Mesquita (Segurança Pública) e César Neves (Saúde); o deputado federal Sandro Alex; o deputado estadual Rodrigo Estacho; o vice-prefeito de Ponta Grossa, Saulo Hladyszwski; o presidente da Câmara Municipal, Daniel Fraccaro; o diretor-geral da Polícia Científica, Luiz Grochocki, além de lideranças políticas e empresariais da região.

GALERIA DE IMAGENS