No dia em que nasceu primeiro filho, contribuinte ganha prêmio do Nota Paraná

Confira o áudio desta notícia


Governador Beto Richa participa da entrega dos três primeiros prêmios do décimo sorteio do Programa Nota Paraná. Presentes, o secretário estadual da Fazenda, em exercício, George Tormin, deputados e demais autoridades. Na foto, os ganhadores José Mario Stefanelli (R$ 20 mil); Adriano Iatskiv (R$ 30 mil) e Sandra Regina Almeida da Silva (R$ 50 mil).Curitiba, 26/09/2016.Foto: Orlando Kissner/ANPr
O oficial de justiça Adriano Iatskiv, de 36 anos, teve duas boas notícias no mesmo dia. Em 14 de setembro, nasceu seu primeiro filho, Cícero, e ele ficou sabendo que foi sorteado com R$ 30 mil no Programa Nota Paraná. “Foi alegria em dobro. A minha mãe, que tem a minha senha no programa, me ligou para contar que tinha visto que eu havia sido sorteado”, disse ele, que mora em Guarapuava, e que decidiu investir o valor ganho no prêmio.
A entrega dos prêmios do décimo sorteio Nota Paraná foi feita nesta segunda-feira (26) pelo governador Beto Richa e pelo secretário da Fazenda em exercício, George Tormin, em cerimônia no Palácio Iguaçu. A funcionária pública Sandra Regina Almeida da Silva, de 52 anos, de Santo Antonio da Platina, ganhou o maior prêmio, de R$ 50 mil. O prêmio de R$ 20 mil também foi para o interior do Estado, para José Mario Stefanelli, de 56 anos, de Cambé.
MAIS DINHEIRO - Richa destacou que o programa Nota Paraná se consolida a cada mês, com maior participação da população. “Eu não tinha dúvida do sucesso do Nota Paraná. É um programa que visa o combate à concorrência desleal, a sonegação fiscal e que, ainda, reduz a carga tributária individual. E, ao aumentar a arrecadação por meio redução da sonegação, o governo tem mais dinheiro para investir em rodovias, em viaturas, em hospitais, construção de escolas e unidades de saúde”, lembrou.
MAIS TRANQUILO - Sandra Regina Almeida da Silva diz que o prêmio vai garantir um fim de ano mais tranquilo. Ela conta que chegou a ficar preocupada quando recebeu o telefonema avisando da premiação. “Não acreditei, levei um susto. Mas depois que confirmei, fiquei muito feliz”, diz Sandra, que costuma incentivar conhecidos a pedir CPF na nota. “Eu, como funcionária pública, tenho obrigação de pedir a nota”, afirmou.
José Mario Stefanelli, também diz ter levado um susto quando recebeu o telefonema da Receita Estadual sobre o prêmio. “Sempre achei difícil ganhar, mas daí liguei de volta para a Receita e confirmei” diz ele, que pretende ajudar a família com os recursos. “Sempre digo para as pessoas que vale a pena, mesmo para aqueles que acham que o retorno é pequeno. Quando você acha R$ 1 na rua, você pega. Se você ganha R$ 60 em um mês no Nota Paraná é como se você tivesse achado R$ 2 por dia. Não tem motivo para não participar”, justifica.
INSTITUIÇÕES - O total de créditos liberados em setembro, referente a compras de junho/2016, foi R$ 24,6 milhões, sendo R$ 23,7 milhões para pessoas que pediram CPF na nota e R$ 854 mil para instituições sem fins lucrativos cadastradas no programa.
Esse foi o terceiro sorteio com a participação das instituições, que já receberam R$ 2,3 milhões por meio de notas do programa. Para o padre Renaldo Amauri Lopes, diretor presidente do Pequeno Cotolengo, o recurso traz muitos benefícios para a instituição, que atende 200 pessoas em situação de abandono.
“É um dinheiro muito bom, porque não vem carimbado ou vinculado. Somos livres para usar na saúde, na compra de medicamentos, alimentos ou na educação. Para nós, que vivemos de doação, é uma ajuda muito grande, ganhamos um fôlego”, disse. A instituição já recebeu R$ 24 mil pelo Nota Paraná.
BALANÇO - Todos os meses o Nota Paraná sorteia 250 mil prêmios em dinheiro. Até agora foram sorteados 2,5 milhões de prêmios, que somam R$ 29,3 milhões (em setembro foram distribuídos R$ 2,84 milhões em prêmios).
Além disso, os créditos concedidos já chegam a R$ 227,9 milhões. Ao todo, entre créditos e prêmios, já foram disponibilizados R$ 257 milhões aos participantes do programa.
“O Nota Paraná foi inspirado no que foi implantado em outras localidades, como na prefeitura e no Estado de São Paulo e em Salvador, mas aqui ele foi aprimorado, com a incorporação de alguns avanços, como o aplicativo para celular. É um programa de sucesso, com mais de 1 milhão de cadastros no sistema e 3,6 milhões de informantes de CPF”, diz George Tormin. Ele adiantou que o Nota Paraná deverá trazer novidades em breve.
PRÊMIOS - Os prêmios principais do programa são de R$ 50 mil, R$ 30 mil e R$ 20 mil e, em datas especiais, como o Natal, mês das mães, dos namorados, dos pais e das crianças, eles são multiplicados por quatro. Os outros prêmios têm valores menores, de R$ 10, R$ 20, R$ 50, R$ 250 e R$ 1 mil.
Toda primeira compra do mês gera um bilhete, independentemente do valor. Depois, cada R$ 50 em notas fiscais dá direito a um novo bilhete, com validade apenas para o sorteio do seu respectivo período (o sorteio é realizado quatro meses depois). O mesmo CPF pode receber mais de um prêmio no sorteio.
PRESENÇAS - Estiveram presentes na solenidade de premiação o diretor geral da Receita do Estado, Gilberto Calixto; o presidente da Associação Amigo Animal, Marcelo Misga; a presidente da Associação dos Amigos do MOM; Juliana Vellozo Almeida; o presidente da Universidade Livre da Cultura, Ricardo Trento; a presidente da Associação Erceana Campo Larguense, Lorena Barone; a responsável pela captação de recursos da Universidade Livre para Eficência Humana, Fabiana Caetano; o deputado estadual Guto Silva, o diretor de relações institucionais da Federação do Comércio do Paraná (Fecomércio), Walter Xavier; o Chefe da Casa Militar e Coordenador Estadual de Defesa Civil, Adilson Castilho Casitas, e familiares dos premiados.

Confira a galeria de fotos desta notícia

Acesse a galeria de fotos

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

Recomendar esta notícia via e-mail:

CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA
Encontrou algum erro
Paraná informa