Outubro Rosa

Obra do Contorno Norte de Castro avança para retirar tráfego pesado da cidade e aumentar a segurança

Confira o áudio desta notícia


Obra do Contorno Norte de Castro avança e aumenta segurança na cidade ao retirar circulação de tráfego pesado. 08-2021Fotos Gilson Abreu/AEN
© Gilson Abreu/AEN

Destaque na produção paranaense de leite, soja e suínos para corte, a cidade de Castro, nos Campos Gerais, será impulsionada pela obra que promete facilitar o escoamento industrial da região: o Contorno Norte. Ligando as rodovias PR-151 e PR-090, a estrada vai conectar dois distritos industriais da região, reduzindo o tráfego pesado dentro da cidade e aumentando a agilidade para os motoristas.

Com investimento de R$ 78,98 milhões por parte do Governo do Estado, a nova rodovia terá 15,62 quilômetros de extensão, incluindo um viaduto sobre a PR-151 com 27 metros de extensão e uma ponte sobre o Rio Iapó, com 320 metros. A obra integra o Programa Estratégico de Infraestrutura e Logística de Transporte do Paraná, viabilizado junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

A expectativa, segundo o projeto, é que cerca de 55% do tráfego da PR-340 seja desviado para o Contorno Norte a partir da sua conclusão — o que contribuirá para a redução do número de acidentes na cidade.

“O principal e mais importante benefício que o contorno trará à população de Castro será a segregação do tráfego rodoviário de longa distância do tráfego local. Esses dois tipos de motoristas muitas vezes têm interesses antagônicos, e isso aumenta significativamente os riscos de acidentes”, explica o engenheiro Eleandro Campos Pereira, gerente de obras e serviços do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR), órgão que fiscaliza a execução.

“Com a implantação dessa obra, nós teremos um marco socioeconômico no município, seja pela evolução no escoamento da safra agrícola, seja pelo aumento da segurança dos moradores de Castro com o desvio do tráfego rodoviário de longa distância. Isso vai diminuir os acidentes e, consequentemente, preservar vidas”, acrescenta o engenheiro.

Castro é um dos expoentes da agroindústria paranaense: uma das três cidades que apresentou Valor Bruto da Produção (VBP) superior a R$ 2 bilhões em 2020. Segundo a secretaria estadual de Agricultura e do Abastecimento, o VBP do município chegou a R$ 2,26 bilhões, atrás apenas de Toledo (R$ 3,49 bilhões) e Cascavel (R$ 2,28 bilhões).

RODOVIA - Ainda em fase inicial, as frentes de trabalho se concentram nos primeiros seis quilômetros da rodovia, entre a PR-151 e a margem direita do Rio Iapó. A obra avança nas etapas de terraplenagem e drenagem, além dos trabalhos com ferragens para construir a estrutura que servirá de fundação para a ponte. Executada pelo consórcio Bandeirantes-Gaissler, a obra teve sua ordem de serviço assinada em fevereiro. A previsão de entrega é de 24 meses.

O valor da obra abrange os serviços de terraplanagem, pavimentação, ligantes betuminosos, drenagem, galerias celulares (bocas e corpos), sinalização, obras complementares e mobilização/desmobilização, além da ponte e viaduto.

A rodovia terá duas faixas de rolamento com largura de 3,6 metros; acostamentos de 2,5 metros e velocidade diretriz de 80 km/h. As pistas terão pavimentação em CBUQ (Concreto Betuminoso Usinado a Quente).

Ao longo dos 15 quilômetros de extensão, estão previstas quatro interseções, sendo três delas em nível: uma rotatória alongada para acesso à região da empresa Castrolanda, o entroncamento com a rodovia PR-090 e o acesso às indústrias Cargill e Evonik, e uma em nível separado — o entroncamento com a rodovia PR-151.

O projeto executivo da Engemin foi financiado pelas empresas Castrolanda, Cargill e Evonik Degussa, com investimento aproximado de R$ 1,2 milhão.

ACESSO AO CONTORNO - Além do Contorno Norte, Castro também terá uma rodovia que dará acesso à nova estrada. As obras do acesso ao Contorno Norte de Castro, que começaram em janeiro de 2019, estão em fase final de execução.

O acesso tem extensão de 2,6 quilômetros, e liga a PR-340 ao novo contorno. A obra conta com um viaduto na interseção entre as rodovias PR-090 e PR-340, com extensão de 30,6 metros, vão-livre de 5,5 metros, e largura de 17,6 metros de largura, incluindo faixa de rolamento e faixa de acostamento.

Executado pelo consórcio Via Venetto - Gaissler, a obra também integra o programa estratégico rodoviário que possui apoio do BID. O valor é de R$ 13,17 milhões e inclui as etapas de terraplenagem, pavimentação, drenagem, obras de arte, sinalização, obras complementares, ligantes betuminosos, iluminação, monitoramento arqueológico e educação patrimonial, a construção do viaduto, melhoria ambiental, e mobilização/desmobilização.

Confira a galeria de fotos desta notícia

Acesse a galeria de fotos

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

Recomendar esta notícia via e-mail:

CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA
Encontrou algum erro
Paraná informa