Outubro Rosa

Pavimentações e parques vão fomentar turismo de água doce no Noroeste do Estado

Confira o áudio desta notícia


Secretário Márcio Nunes acompanha progresso do turismo de água doce do Noroeste do Estado  -  Curitiba, 23/07/2021  -  Foto: SEDEST
© SEDEST

Com paisagens invejáveis, o Noroeste do Estado possui grande potencial para turismo náutico de água doce, principalmente para alavancar a retomada da economia pós-pandemia. O projeto conta com apoio do Governo e o desenvolvimento se dá a partir de diversas linhas, desde a construção de Parques Urbanos, que recupera áreas de Fundo de Vale, até a pavimentação asfáltica, que permite o acesso a locais que podem ser explorados pelo segmento.

O secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, visitou áreas às margens dos rios Paraná, Paranapanema e Ivaí durante agenda em municípios da região nesta sexta-feira (23). Em conversa com prefeitos, lideranças e comunidade, ele acompanhou de perto os avanços e as ideias do setor.

“Estamos fazendo um giro no Noroeste, onde temos um potencial extraordinário para o turismo. Através de muito trabalho do Governo do Estado com os municípios, vamos conseguir fazer com que o turismo possa bombar”, afirmou.

O secretário reforçou, ainda, que para o desenvolvimento do turismo, os municípios devem seguir a linha da sustentabilidade. “O maior programa social é o emprego, de acordo com a política desenvolvida pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior. Para ter emprego, precisamos de empresas e para que elas verem receita, é preciso que tanto investidores quando os municípios carreguem a marca da sustentabilidade”, destacou Nunes.

De acordo com o secretário, é preciso investir em infraestrutura para conseguir atrair os turistas. “Queremos que o setor seja a grande mola mestra para alavancar receita, renda e possa melhorar a vida das pessoas. O turista só vai onde tem infraestrutura e é essa a política estadual: oferecer estrutura para que o Paraná se torne um grande destino turístico”, disse.

MARILENA E NOVA LONDRINA – Em Marilena, por exemplo, Nunes ouviu as demandas para o desenvolvimento do turismo regional na divisa entre os estados do Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul. O prefeito Zé do Peixe mostrou ao secretário a estrada que interliga Marilena ao Porto Maringá, cujo pedido de pavimentação foi protocolado e aprovado pelo Governo do Estado. 

Serão investidos R$ 23,8 milhões em mais de 10 quilômetros de extensão em duas etapas. A estrada abriga o Complexo Turístico Ipanema, no Porto Maringá, com lotes pertencentes a quase 4 mil investidores de diversas regiões do Brasil e do Exterior. “É uma obra que vai interferir em toda região, não apenas no município de Marilena“, disse o secretário. 

O prefeito deve entregar, nos próximos dias, o projeto executivo para a conexão, o que permitirá o início dos trâmites da licitação. “Agradecemos o Governo do Estado por reconhecer o nosso potencial turístico”, disse.

Marilena também recebeu R$ 1,02 milhão para a construção de um Parque Urbano, que vai transformar uma área com problemas de erosão em um espaço de lazer e turismo para a comunidade. As obras estão em 23%.

O prefeito de Nova Londrina, Otávio Henrique, também destacou investimentos de pavimentação na cidade, como a ligação entre Nova Londrina e Marilena (PR-569), e a revitalização de uma área de um antigo aterro sanitário no bairro Jardim Aeroporto, que receberá um Parque Urbano.

“Nós vamos atender aqui toda a população do aeroporto, do Nova Londrina I e II, Conjunto Santa Casa, Bela Vista, com mais qualidade de vida”, disse. 

O projeto, com pista de caminhada, skate, quadras de esportes, quiosques, entre outras estruturas, está em fase final de aprovação pelo órgão ambiental estadual. O prefeito também entregou o Plano Municipal de Turismo ao secretário.

DIAMANTE DO NORTE E ITAÚNA DO SUL – Já em Diamante do Norte, o ponto forte é a pesca no rio Paranapanema. Através do IAT, o município solicita a construção de uma rampa náutica anexa à Represa de Rosana, para alavancar o turismo e beneficiar cerca de 40 famílias de pescadores.

“A presença do secretário do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo é muito importante para desentravar essas demandas. Tenho certeza que isso trará benefícios para nossa população”, disse o prefeito Gilson Construtor. O local recebe turistas do Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul.

O secretário também conversou com lideranças de Itaúna do Sul, que irá receber um Parque Urbano – já com mais de 80% de obras concluídas. Além disso, o município será beneficiado com um caminhão-pipa e poderá escolher outro veículo, entre caminhão compactador, caminhão caçamba e para coleta de resíduos.

Confira a galeria de fotos desta notícia

Acesse a galeria de fotos

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

Recomendar esta notícia via e-mail:

CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA
Encontrou algum erro
Paraná informa