Outubro Rosa

Nova Região Turística Sul do Paraná reúne nove municípios e muitos atrativos

Confira o áudio desta notícia


Região Turística Sul do Paraná será a 15ª do estado e fará parte da próxima atualização do Mapa Brasileiro do Turismo  -  Curitiba, 16/03/2021  -  Foto: Prefeitura de União da Vitória
© Prefeitura de União da Vitória

O Paraná ganhou uma nova Região Turística, a 15ª do Estado. A RT Sul do Paraná abrange os municípios de Antônio Olinto, São Mateus do Sul, Paulo Frontin, Paula Freitas, União da Vitória, Porto Vitória, General Carneiro, Bituruna e Cruz Machado. A Instância de Governança Regional (IGR), responsável para fazer a gestão, é a Associação de Turismo e Meio Ambiente do Vale do Iguaçu (Atema). 

A nova RT foi apresentada durante a 84ª Reunião Ordinária do Conselho Paranaense de Turismo (Cepatur), que aconteceu na última quinta-feira (11). O secretário de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, participou deste encontro, que validou a criação da RT Sul do Paraná, e destacou o seu impacto para os municípios. “Essa nova região será muito importante para que o desenvolvimento, principalmente desses nove municípios, seja focado em atividades voltadas para o turismo, que será, sem sombra de dúvidas, uma das atividades econômicas mais importantes nesse processo de retomada da nossa economia”, afirmou.

A RT Sul do Paraná já nasce com inúmeras vocações, como o turismo religioso, por contar com diversos santuários e monumentos espalhados pelos municípios; turismo de inverno, por ser a mais fria do Estado, inclusive com temperaturas negativas recordes; e turismo de natureza, já que é nessa região que Rio Iguaçu apresenta um dos trechos mais apropriados para a prática de esportes aquáticos, além da presença de muitas cachoeiras e de circuitos de cicloturismo.

A região também possui alguns roteiros turísticos já formatados, como a Rota Sul das Cachoeiras, City Tour, Roteiro Ucraniano e Passeio de barco Interpontes, em União da Vitória, e a Rota do Vinho, em Bituruna.

A região ainda tem uma certificação de Indicação de Procedência, com a erva-mate de São Mateus do Sul. Isso significa que o “modo de fazer” com relação à erva-mate é único e indissociável da região, o que acaba sendo a marca do produto daquele território, a exemplo do que aconteceu recentemente com as balas de banana de Antonina. Atualmente, a região é a maior produtora de erva-mate do Paraná, responsável por 62% da produção estadual.

O município de Bituruna também está em busca, junto ao Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI), da Indicação Geográfica do vinho, com as variedades de uva Bordô e Casca Dura.

MOBILIZAÇÃO – As mobilizações para a criação da nova região turística surgiram entre junho e julho de 2020, quando houve uma articulação entre os munícipios do Território Iguaçu, que fazem parte da Associação dos Municípios do Sul do Paraná (Amsulpar), Sebrae e Paraná Turismo.

A partir de então passou a ser feito um trabalho de engajamento, plano de ação e diversas reuniões de sensibilização dos municípios e workshops para a definição de questões como o nome da região e a IGR que seria responsável pela gestão.

Agora a nova RT está apta, sob a chancela do Cepatur, a integrar o Mapa Brasileiro do Turismo em sua próxima atualização e a fazer companhia às outras 14 regiões já existentes no Paraná. Integram estas regiões 217 municípios que estão categorizados sob alguns critérios, como a demanda de turistas, nas categorias A, B, C, D e E.

A diretora técnica da Paraná Turismo, Isabella Tioqueta, lembra que a atualização do Mapa do Turismo ocorre neste ano de 2021. “Estamos no momento de aguardar a autorização do Ministério do Turismo para a abertura do processo de atualização do Mapa e, quando isso acontecer, aí sim poderemos ter definitivamente a nova região inserida juntamente com os seus respectivos municípios”, explicou.

CONSOLIDAÇÃO – De acordo com Daiane Scolaro, presidente da Atema, a nova RT resulta de um esforço que já vem sendo feito há bastante tempo. “A criação da Região Turística Sul do Paraná consolida o trabalho realizado por entidades regionais para o desenvolvimento do turismo. Possuímos uma identidade regional, projetos turísticos sendo trabalhados em conjunto, temos uma grande diversidade cultural e turística. Nossa expectativa é que o Turismo se torne uma das economias da região, estamos trabalhando para isso”, declarou.

A criação da nova RT é um desejo dos nove municípios, enfatiza a coordenadora das ações de Turismo do Sebrae na Regional Sul, Alyne Chicocki. “Esse projeto é um anseio da região, tanto pelo potencial natural existente, quanto pela identidade que existe entre os municípios que a compõem. Essa vontade ficou evidente nas diversas reuniões que fizemos durante a estruturação da região”, disse.

Anery Junior Baggio, consultor do Sebrae e especialista em turismo, foi um dos responsáveis pelo desenvolvimento da identidade visual da nova RT. “No Sul do Paraná tudo acontece à sombra das araucárias, esse foi o conceito que serviu de partida para o design da marca. As araucárias são testemunhas da história da região e estão presentes no seu dia a dia. O design precisava se apropriar desse símbolo”, disse. Cada cor da nova marca remete a uma simbologia presente na região.

Confira a galeria de fotos desta notícia

Acesse a galeria de fotos

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br

Recomendar esta notícia via e-mail:

CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA
Encontrou algum erro
Paraná informa