Outubro Rosa

Rádio - Notícias

02/08/2021

Em Cascavel, governador Ratinho Junior lança pedra fundamental da duplicação de trecho da BR-277


Um dos trechos mais movimentados da BR-277, em Cascavel, na Região Oeste, começou oficialmente a ser requalificado. O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou, nesta segunda-feira, do lançamento da pedra fundamental das obras de duplicação da rodovia. Trata-se da ampliação de quase seis quilômetros da via, do km 574,4 ao km 580,2, entre o posto da Polícia Rodoviária Federal e a Ferroeste. A intervenção integra o convênio entre o Governo do Estado e a Itaipu Binacional, e foi contratada pelo valor de 48 milhões de reais. O Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná será o responsável pela obra, cujo prazo de conclusão é de 14 meses, em setembro de 2022. A intervenção na BR-277 começou em frente à Ferroeste com serviços preliminares, ensaios de caracterização dos materiais, limpeza da camada vegetal, instalação do canteiro de obras, levantamento topográfico e serviços de terraplenagem. Segundo o governador, a intervenção vai refletir em maior segurança a quem passa pela região.// SONORA RATINHO JUNIOR.// Ratinho Junior ainda destacou que esta é mais uma ação que colabora na busca por transformar o Paraná no hub logístico da América do Sul, e por consolidar o Estado como o mais moderno, inovador e sustentável do País. O prefeito Leonaldo Paranhos afirmou que este é um momento histórico e de muita emoção para todos os moradores de Cascavel.// SONORA LEONALDO PARANHOS.// Sandro Alex, secretário de Estado da Infraestrutura e Logística, explicou que além da duplicação, também será pavimentada a via marginal esquerda do km 581,7 ao km 583,3, em uma extensão de mais de um quilômetro e meio, executado um viaduto no acesso para a Ferroeste, e outro viaduto no km 580, onde será implantada uma variante da PR-180. Ações que, ressaltou ele, terão impacto direto na mobilidade urbana em Cascavel.// SONORA SANDRO ALEX.// O secretário lembrou que a duplicação da BR-277 acompanha a obra de readequação do Trevo Cataratas, também em Cascavel. O local é um ponto de interseção em nível que reúne as rodovias BR-369, ligação com Maringá; a BR-277, sentido Guarapuava e sentido Foz do Iguaçu; a BR-467, em direção a Toledo; e a Avenida Brasil, principal via de acesso a Cascavel. Cerca de 45 mil veículos circulam pelo trevo diariamente. Diretor-presidente da Coopavel, Dilvo Grolli destacou que a obra terá impacto direto também na realização de um dos maiores eventos do setor do agronegócio: o Show Rural Coopavel que, em sua última edição atraiu mais de 300 mil pessoas para Cascavel.// SONORA DILVO GROLLI.// O alargamento do trecho reforça a interligação entre os modais rodoviário e ferroviário, já que a duplicação da rodovia será até a entrada da Ferroeste, com impacto significativo no escoamento da safra, finalizando um corredor que começa no Mato Grosso do Sul e passa por cidades paranaenses como Marechal Cândido Rondon e Toledo, além de Cascavel. Os recursos para a obra integram o convênio entre a Itaipu Binacional e o Governo do Estado, por meio da Secretaria estadual de Infraestrutura e Logística, sendo o DER a unidade executora. Celso Torino, diretor técnico executivo da Itaipu, disse que apoiar uma obra como essa que vai melhorar a logística, a fluidez e a segurança desse ponto importante da Região Oeste do Paraná, é motivo de orgulho.// SONORA CELSO TORINO.// Convênios semelhantes estão garantindo mais obras para a região, como a implantação da nova Ponte da Integração Brasil-Paraguai, a duplicação do Contorno Oeste de Cascavel, a duplicação da Rodovia das Cataratas e a implantação de estrada municipal entre Ramilândia e Santa Helena. A BR-277 ainda será contemplada com dois investimentos que fazem parte do financiamento de um bilhão e 600 milhões de reais captado pelo Governo do Estado com um consórcio de bancos. Serão 12 quilômetros duplicados entre Guarapuava e Cascavel, entre o km 344 e o km 366. (Repórter: Wyllian Soppa)


Recomendar esta página via e-mail: