Governadora Cida Borghetti inaugura a ampliação do Hospital e Materindade Santa Clara em Colorado.Colorado, 23/06/2018Foto: Orlando Kissner / ANPr

Governadora inaugura ampliação do Hospital Santa Clara, em Colorado

A governadora Cida Borghetti participou neste sábado (23) da inauguração das obras de ampliação do Hospital Santa Clara, de Colorado, na região norte do Estado.  O Governo do Estado investiu R$ 2,6 milhões na construção de três novas alas para a instituição. O hospital é filantrópico e faz 85% dos atendimentos pelo SUS.

Cida afirmou que o objetivo é levar os serviços de saúde mais próximos da população. “Aqui, cerca de 75 mil pessoas serão servidas de um atendimento público de qualidade. Nosso governo trabalha pela regionalização da saúde, para que as pessoas possam ser atendidas nas suas cidades, com mais conforto e próximo dos seus familiares”, afirmou a governadora.

Cida descerrou a placa de inauguração das novas alas, que homenageiam pessoas que fundaram o hospital há 40 anos. “Um projeto que une os esforços da sociedade civil, dos representantes políticos e dos profissionais da saúde em prol da população”, disse Cida.

Com a ampliação, o hospital passa de 46 para 101 leitos. Do total, 78 leitos são clínicos-cirúrgicos (alas Dr. Shibata e Dr. Mário Guteres) e 23 leitos para atendimento materno-infantil (Dr. Palandri).

Além dos recursos para a construção, o Governo do Estado também investiu R$ 1,7 milhão para a compra de mobiliário e equipamentos para a nova estrutura, além de R$ 500 mil destinados para aquisição de 10 aparelhos de hemodiálise.

MUNICÍPIO - O prefeito Marcos Melo, disse que a descentralização do atendimento desafoga os grandes centros e traz para os pequenos municípios um serviço de qualidade. “Vamos desafogar o atendimento em Maringá, dando oportunidade para que os pacientes dos municípios da região venham até Colorado”, disse.

O prefeito afirmou que desde o início da gestão da governadora Cida Borghetti, cerca de R$ 60 milhões em projetos do município foram agilizados. “Isso resulta em mais asfalto, educação, saúde, ou seja, estamos reestruturando nosso município”, afirmou.

O diretor presidente do hospital, Luiz Antônio Giglioti, destacou a importância dos aparelhos de hemodiálise, sobretudo para a população carente. “Uma conquista para muitas famílias. Isso será essencial para que os pacientes não precisem se deslocar diariamente em busca desse tratamento”, disse.

Ele destacou que o trajeto para deslocar os pacientes é de 120 quilômetros só de ida. “Além de levar mais quatro horas para o tratamento, muitas vezes as pessoas não têm dinheiro nem pra almoçar. Isso vai facilitar a vida dessas pessoas, trazendo mais conforto e dignidade”, afirmou.

REFERÊNCIA - De acordo com o diretor Luiz Antônio Giglioti, as novas instalações vão possibilitar a ampliação da oferta de cirurgias, principalmente nas áreas de ortopedia, oftalmologia, obstetrícia e cirurgia geral. A projeção é que será possível triplicar o volume de procedimentos, reduzindo o tempo de espera dos pacientes.

“O hospital está se reestruturando totalmente. Hoje temos novas especialidades, com procedimento de maior complexidade. Teremos aqui um atendimento como nos grandes centros. Estamos nos tornando referência à população com atendimentos de qualidade”, afirmou. Em média, são realizadas cerca de 60 cirurgias ao mês e o objetivo é ampliar para 200 procedimentos.

O hospital atua numa microrregião que concentra cerca de 70 mil pessoas. Atualmente, o serviço é referência para 11 municípios: Colorado, Paranacity, Itaguajé, Santo Inácio, Paranapoema, Jardim Olinda, Nossa Senhora das Graças, Cruzeiro do Sul, Lobato, Santa Inês e Inajá.

“O hospital está muito bem equipado graças aos recursos do Governo do Paraná. Dessa maneira, conseguimos atender os moradores da microrregião e da 15 regional”, disse a diretora do hospital, Maria Aparecida Bertoni Cardoso.

Para o diretor da regional de saúde do Estado, James Adolfo Cardoso, essa é uma conquista e uma prova da gestão municipalista do governo. “Vemos o trabalho de toda a equipe do governo, que está revolucionando a saúde no Paraná. Proporcionando mais conforto e estrutura ao pacientes”, afirmou.

UTI - O hospital também vai abrigar uma ala com 10 leitos de UTI. A entrega das obras está prevista para dezembro deste ano.  Com isso, será possível atender pacientes de alta complexidade que precisam ser transferidos para Maringá.  O total de investimento do Estado será de R$ 1,4 milhão na estrutura física e R$ 990 mil em equipamentos.

Depois de tudo concluído, o montante de recursos do Governo no Hospital Santa Clara será de R$ 6,7 milhões.

PRESENÇAS - participaram da solenidade OS deputados federais Alex Canziani e Ricardo Barros; deputados estaduais Evandro Júnior, Tiago Amaral, Alexandre Curi e Luiz Cláudio Romanelli; o vice-prefeito de Colorado, Adair Inácio Ribeiro; o presidente da Câmara de Vereadores, Rose Chiquinho; o presidente da Amusep e prefeito de São Jorge do Ivaí, André Bovo; secretários municipais, vereadores e lideranças da região.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Governadora Cida Borghetti inaugura a ampliação do Hospital e Materindade Santa Clara em Colorado.Colorado, 23/06/2018Foto: Orlando Kissner / ANPr
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro