BRDE abre concorrência para restauração do Palacete dos Leões.Foto: Divulgação BRDE

BRDE abre concorrência para restauração do Palacete dos Leões

O palacete dos Leões, espaço cultural da agência paranaense do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) e uma das mais belas construções históricas de Curitiba, localizado na Avenida João Gualberto, vai ser restaurado. O edital da concorrência para selecionar a empresa que executará as obras de recuperação da parte externa e da cobertura do local já foi publicado pelo BRDE. A abertura dos envelopes com as propostas acontecerá no dia 15 de dezembro. A previsão é que as obras durem seis meses.
A restauração inclui reforço estrutural, recuperação de revestimentos e esquadrias, impermeabilização de pisos e cobertura, pintura externa e também a restauração das duas esculturas de leão em cerâmica glasurada na entrada do prédio. O valor máximo das obras está orçado em R$ 367,7 mil.
DEDICAÇÃO - O processo para a restauração do espaço foi iniciado no ano passado, com a etapa de avaliação e elaboração do projeto, que prevê detalhadamente tudo o que deverá ser feito, inclusive com a descrição de materiais, cores e técnicas a serem usadas, de forma a preservar todos os detalhes da construção original de 1902.
“Toda a equipe administrativa do BRDE no Paraná se dedicou muito para fazer o melhor neste processo de restauração, desde os responsáveis diretos pelo uso diário do prédio até nosso diretor administrativo Orlando Pessuti”, explica o superintendente da Agência Paraná do BRDE, Paulo Cesar Starke Junior.
Ele ressalta que o edital lançado refere-se apenas à recuperação externa do Palacete e que a previsão é que após a conclusão das obras seja iniciado o processo para restauração da parte interna do prédio. “Contamos com o trabalho técnico de especialistas para fazer o projeto da obra e assim manter o Palacete em condições de sediar exposições e eventos culturais, bem como receber os visitantes que vêm conhecer a beleza do espaço”, diz o superintendente.
EDITAL - O edital de concorrência para a contratação de empresa para a prestação de serviços de restauração do Palacete está disponível no site do BRDE (www.brde.com.br/modalidades/concorrencia) ou pode ser retirado no setor de protocolo da Agência Paraná do BRDE (Avenida João Gualberto, 570), mediante reembolso das despesas de impressão.
PROJETO – O responsável técnico pelo projeto de restauração é o arquiteto Jeferson Dantas Navolar, que desde 1985 tem trabalhado nas recuperações feitas no espaço. “Mesmo com bons proprietários, um edifício centenário como Palacete precisa de obras de manutenção devido ao processo de desgaste natural”, explica Navolar.
O arquiteto destaca a importância do prédio, um dos poucos remanescentes das construções do ciclo da erva-mate em Curitiba. Na avaliação dele, o Palacete dos Leões é um dos melhores exemplares da arquitetura do período. Navolar explica que poucos edifícios apresentam tanta riqueza em relação aos detalhes arquitetônicos, vidraçaria, serralheria e revestimentos de parede, todos importados dos melhores fornecedores do mundo da época.
Para o arquiteto, a preservação do espaço garante que as novas gerações possam conhecer uma verdadeira joia da arquitetura paranaense, que se mantém em boas condições graças ao cuidado do BRDE. “O Palacete está em boas mãos. Seria muito difícil ele sobreviver se não tivesse o banco à frente de sua manutenção”, finaliza Navolar.
ESPAÇO CULTURAL – Atualmente, o Palacete dos Leões é um dos poucos imóveis históricos localizados na região do Alto da Glória que está bem conservado. O prédio foi construído para abrigar a família de Agostinho Ermelino de Leão, um dos principais nomes do ciclo da erva-mate no Paraná.
O projeto foi assinado pelo engenheiro Cândido Ferreira de Abreu, cunhado do proprietário Leão Júnior e primeiro prefeito de Curitiba eleito por voto direto. A construção terminou em 1902 e foi considerada uma das mais luxuosas da época, tanto que em 1906 foi requisitada para abrigar a comitiva do então presidente Affonso Pena.
Hoje, o Palacete dos Leões funciona como Espaço Cultural do BRDE, recebendo exposições e eventos culturais. Fica aberto para visitação gratuita de segunda a sexta, das 12h30 às 18h30.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governopr e www.pr.gov.br
BRDE abre concorrência para restauração do Palacete dos Leões.Foto: Divulgação BRDE
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro