No Dia D, Agências do Trabalhador oferecem vagas para pessoas com deficiência.Curitiba, 23/09/2016.Foto: Divulgação SEJU/Ag.Trabalhador

Dia D promove inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho

Incentivar a inclusão de pessoas com deficiência no mercado de trabalho é o objetivo do Dia D, promovido em todo o Paraná nesta sexta-feira (23). Somente na Agência do Trabalhador de Curitiba, 24 empresas compareceram e disponibilizaram 250 vagas na Capital. Em todo no Estado, o número de vagas passa de mil.
“É muito legal ver a expectativa e o sorriso de realização de alguém que consegue uma oportunidade. É muito gratificante ser a porta-voz dessa oportunidade”, contou Gislaine Correa, Analista de Recursos Humanos da empresa Condor.
Rafael Siqueira está desemprega há um ano e meio e foi até a Agência do Trabalhador com o objetivo de conseguir um emprego. Depois de uma entrevista com os responsáveis da rede de supermercados, foi orientado a comparecer na sede da empresa. “Muito legal essa ação. A gente precisa disso, dessa ajuda. Eu estou muito feliz”, comentou Rafael.
Ana Cristina também estava na expectativa. “Queria muito encontrar uma vaga que se enquadrasse na minha capacidade. Eu tenho problema de locomoção, mas posso e quero trabalhar”, comentou ela, que está desempregada há mais de um ano.
No Brasil, 45.606.048 pessoas têm algum tipo de deficiência, o que corresponde a 23,9% da população, segundo os últimos dados divulgados pelo IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. No Paraná, são mais de 2, 2 milhões de pessoas com deficiência. “Esse público precisa de inclusão de verdade e inclusão de verdade se faz com oportunidade e condições de trabalho. E essa tem sido a nossa luta – sensibilizar as empresas para que deem uma oportunidade real às pessoas com deficiência”, ressaltou Artagão Júnior, secretário da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos.
Para o titular da Promotoria de Promoção da Pessoa com Deficiência do Ministério Público, José Américo Penteado de Carvalho, um evento como o Dia D se torna uma rede de exemplos. “Uma pessoa com deficiência que trabalha influência outras pessoas com deficiências a procurarem um espaço no mercado de trabalho. Uma empresa que abre espaço para uma pessoa com deficiência é um exemplo de cumprimento da lei e de uma conduta ética e voltada para o social”, complementou o promotor.
O DIA D - Essa é a terceira edição do Dia D, uma das ações do Estado para incentivar a inclusão da Pessoa com Deficiência, realizada pela Secretaria da Justiça, trabalho e Direitos Humanos. No Paraná, a contratação de Pessoas com Deficiência chega a 2% das contratações gerais, índices encontrados em países como Alemanha, França e Canadá.
“A gente sabe que a verdadeira inclusão se dá pelo trabalho, mas sozinho o Poder Público não dá conta de promover essa inserção. Só quando unimos forças, Poder Público, Sociedade Civil e as próprias pessoas com deficiência, é que conseguimos alcançar resultados satisfatórios e promover uma inclusão verdadeira e duradoura”, ressaltou a coordenadora Estadual de Intermediação da Mão de Obra da Secretaria da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, Angela Carstens.
Porém, é importante que a inclusão da pessoa com deficiência no mercado de trabalho não se restrinja ao dia 23 de setembro. “Esse é um dia para sensibilizar a sociedade, um esforço maior e de extrema valia. Mas o Dia D é todo o dia em que uma pessoa com deficiência precisa de uma oportunidade. Que essas pessoas encontrem espaços adequados para usarem suas habilidades e aptidões” salientou o superintendente da Regional do Trabalho e Emprego do Paraná, Paulo Roberto Kroneis.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
No Dia D, Agências do Trabalhador oferecem vagas para pessoas com deficiência.Curitiba, 23/09/2016.Foto: Divulgação SEJU/Ag.Trabalhador
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro
Paraná informa