Técnicos e gestores públicos do Paraná participaram do segundo curso de capacitação da ferramenta Sedu/Paranacidade Interativo nesta quarta (17) e quinta-feira (18), no auditório da Secretaria do Desenvolvimento Urbano (Sedu), em Curitiba. O funcionamento da ferramenta foi apresentado aos participantes que, com o seu uso adequado, podem consultar dados sobre a urbanização de seus municípios, das cidades vizinhas e até ter uma visão geral da situação do Estado do Paraná.Curitiba, 19/08/2016.Foto: Divulgação SEDU

Técnicos conhecem novas possibilidades da ferramenta Sedu/Paranacidade Interativo

Técnicos e gestores públicos do Paraná participaram do segundo curso de capacitação da ferramenta Sedu/Paranacidade Interativo nesta quarta (17) e quinta-feira (18), no auditório da Secretaria do Desenvolvimento Urbano (Sedu), em Curitiba. O funcionamento da ferramenta foi apresentado aos participantes que, com o seu uso adequado, podem consultar dados sobre a urbanização de seus municípios, das cidades vizinhas e até ter uma visão geral da situação do Estado do Paraná.
Participaram representantes dos municípios de Balsa Nova, Itaperuçu, Quatro Barras, São José dos Pinhais, Araucária, Campo Largo, Colombo, Fazenda Rio Grande, Pinhais e Piraquara.
A novidade desta edição do curso está no Portal de Mapas Temáticos, com os dados mais pedidos e procurados, como ações do Paranacidade, equipamentos urbanos, iluminação pública, indicadores de desenvolvimento urbano, traçados geográficos básicos, pavimentação e saneamento básico.
Por meio da ferramenta é possível realizar consultas com informações territoriais, selecionando o tipo de recorte espacial, municipal ou regional, cruzando com dados de população, domicílio, indicador social, infraestrutura urbana - iluminação pública, pavimentação, rede de abastecimento de água, rede de coleta de esgoto e de drenagem -, além de dados sobre educação e segurança pública ou território. Todas as informações são obtidas no Censo do IBGE, realizado em 2010.
Mas para que os dados sejam atualizados, é necessária a participação dos municípios. "Vamos perseguir a meta de termos acesso às informações com periodicidade anual. Para tanto, pedimos aos representantes dos municípios que atualizem os dados", disse o economista e coordenador de Projetos do Paranacidade, Jerônimo Meira.
O geógrafo Rodrigo Lacerda Marques, de Pinhais, se diz fã do Sedu/Paranacidade Interativo desde o primeiro momento em que conheceu. Ele afirma que os municípios precisam se desenvolver e, com a ajuda desta ferramenta, é possível ver qual a direção que devem tomar.
"Eu gosto muito de pensar da seguinte maneira: o que acontece na casa do meu vizinho interfere na minha vida. O que acontece nos municípios vizinhos interferem no planejamento do meu”, disse ele, exemplificando. “A partir do momento em que eu mexo em um rio, por exemplo, estou atingindo outros municípios por onde ele passa. E o Sedu/Paranacidade Interativo mostra a importância desta integração."
Já para o engenheiro cartógrafo, Reginaldo Baasch, do município de Araucária, a ferramenta permite acesso aos dados de forma simples e rápida. "É um poderoso auxílio ao desenvolvimento e planejamento do meu município”, disse Baasch.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Técnicos e gestores públicos do Paraná participaram do segundo curso de capacitação da ferramenta Sedu/Paranacidade Interativo nesta quarta (17) e quinta-feira (18), no auditório da Secretaria do Desenvolvimento Urbano (Sedu), em Curitiba. O funcionamento da ferramenta foi apresentado aos participantes que, com o seu uso adequado, podem consultar dados sobre a urbanização de seus municípios, das cidades vizinhas e até ter uma visão geral da situação do Estado do Paraná.Curitiba, 19/08/2016.Foto: Divulgação SEDU
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro
Paraná informa