Educação

No Paraná, salário de ingresso de professor é 33% maior que o piso nacional

Publicado em 23/04/2013 16:30
Os professores da rede estadual de educação do Paraná que ingressam na carreira com jornada de 40 horas semanal ganham mais que o piso nacional. O salário base inicial no Estado é de R$ 2.089,88, enquanto o piso nacional fixa R$ 1.567,00 para a mesma jornada. O Governo do Estado paga ainda aos professores R$ 609,66 por mês de auxílio transporte.

Além de garantir salário maior que o piso nacional, o governo estadual estabeleceu um bom diálogo com os profissionais da educação nos últimos dois anos. Com isso, o Paraná avançou na valorização do magistério. Entre as medidas adotadas estão reajustes salariais que somam 34,85%, e o pagamento promoções e progressões atrasadas desde 2009, beneficiando mais de 65 mil servidores. Também houve contratação de mais 17.261 servidores por concurso público e um novo edital foi autorizado, para 13.771 professores.

O balanço foi feito pelo vice-governador e secretário da Educação Flávio Arns, nesta terça-feira (23/4), ao defender a aprovação pela Assembleia Legislativa de dois projetos encaminhados pelo governador Beto Richa que marcam avanços históricos para os profissionais da educação. Um dos projetos garante a ampliação da hora-atividade para os professores e, o outro, incorpora no Plano de Cargos e Salários dos Funcionários das escolas da rede estadual o direito a progressões.

“As leis vão assegurar avanços merecidos pela dedicação, o trabalho e o compromisso da categoria com a qualidade do ensino oferecido aos nossos alunos”, disse o secretário. As propostas devem ir ao plenário nesta quarta-feira (24).

CONTRATAÇÕES - Desde janeiro de 2011, foram contratados 17.261 servidores por meio de concurso público na área da educação. Os novos professores, pedagogos e agentes educacionais passaram a atender 2,2 mil escolas nos 32 Núcleos Regionais da Educação.

Um novo concurso já está em andamento para a contratação de mais 13.771 profissionais. “A ação demonstra a preocupação do Governo do Estado assegurar aos profissionais da educação uma carreira estável, alicerce fundamental para a qualidade do ensino”, afirma Arns.

“Com o novo concurso teremos mais de 30 mil novos professores e pedagogos no quadro próprio. É uma das maiores contratações da história do Paraná na área de ensino e se deve ao empenho do governador Beto Richa”, afirmou o secretário da Educação.

Os profissionais contratados vão atender todo o Estado e todas as disciplinas da matriz curricular. “Praticamente completaremos o quadro próprio da educação”, destacou o vice-governador e secretário da Educação, Flávio Arns. Segundo ele, os contratados também possibilitam ampliar o contraturno escolar.

HORA-ATIVIDADE - A Secretaria da Educação vem aumentando a hora-atividade dos professores, tempo dedicado para o planejamento do trabalho. Os professores já passaram de quatro aulas semanais em 2010 para cinco aulas semanais em fevereiro de 2013.

No decorrer deste ano, a hora-atividade aumentará ainda mais. Das 20 horas-aula semanais, os professores passarão a contar com o tempo de seis aulas exclusivo para planejamento de trabalho, atendimento aos familiares, pesquisa e outras atividades que precisam ser feitas fora de sala de aula, mas dentro da escola.

“A ideia é que a ampliação da jornada extraclasse acrescente qualidade, atualidade e profundidade aos conteúdos trabalhados pelos professores em sala de aula”, afirma Arns.

Outro compromisso que vem sendo cumprido é da equiparação salarial do magistério com os demais com os demais técnicos de nível superior do Estado. Com a próxima data base da categoria, os professores terão novo aumento salarial.

PLANO DE CARREIRA - A Assembleia também votará as adequações propostas pelo Governo para o Plano de Carreira dos Funcionários da Educação Básica. A medida aumenta as oportunidades de promoções na carreira dos funcionários das escolas estaduais que prestam serviços de apoio e administrativo, proporcionando avanços e ganhos salariais.

Áudio

Recomendar esta notícia via e-mail: