Cascavel vai sediar centro nacional de excelência em atletismo

O governador Beto Richa confirmou nesta quinta-feira (20/12) um investimento de R$ 23 milhões na instalação do Centro Nacional Alto Rendimento em Atletismo do Sul do Brasil, em Cascavel. Do valor total, R$ 15 milhões são do Ministério do Esporte, e já estão liberados. Outros R$ 8 milhões serão investidos pelo governo estadual.
O centro de atletismo será o quinto do País e o mais moderno do Brasil. O espaço vai impulsionar a modalidade com tecnologia de ponta usada no aperfeiçoamento de atletas e técnicos com vistas já para a Olimpíada no Rio de Janeiro em 2016. “É uma conquista importante para o Paraná e revela que é possível fazer boas parcerias com o governo federal”, destacou o governador.
De acordo com o secretário estadual do Esporte, Evandro Rogério Roman, a construção do centro de excelência em atletismo deve começar até o mês de junho de 2013, com entrega prevista para 2014. Vai ocupar uma área de 86.000m². Será construída uma moderna pista oficial, além de piscina, laboratórios de fisiologia do exercício, pista coberta para treinamento e hotel/alojamento para 100 pessoas.
Segundo informou o secretário, o centro de excelência faz parte de um grande projeto do Ministério do Esporte e da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) de construir um local de treinamento e aperfeiçoamento para atender os Estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, e a escolha da cidade de Cascavel partiu da CBAt atendendo critérios técnicos. “A Secretaria do Esporte ofereceu algumas cidades e a Confederação entendeu ser Cascavel a que reunia melhores condições. Na cidade foram apresentados vários locais, e por critérios de vento, posicionamento, incidência do sol, a Confederação escolheu o de melhores condições,” frisou Roman.
Depois de construído, o Centro será gerido pela Confederação Brasileira de Atletismo que tem a responsabilidade de contratação de profissionais e manutenção dos equipamentos. O Governo do Estado vai arcar com despesas de água, energia elétrica e limpeza.
A CBAt já mantém centros em Fortaleza, Rio de Janeiro, São Paulo e Uberlândia, e a facilidade de organização do centro mineiro fora da capital foi determinante na escolha de Cascavel.
Rogério Roman adiantou que uma segunda etapa do projeto, com investimento de R$ 12 milhões, já está em tramitação no Ministério do Esporte e compreende a aquisição de todos os equipamentos, mobília e materiais utilizados no Centro de Excelência.
ALTO RENDIMENTO - O Centro será o destino de atletas de rendimento dos três Estados do Sul, mas principalmente do projeto de atletismo iniciado no Paraná. Serão construídas e melhoradas 24 pistas em todo Estado e servirão de base para selecionar os melhores atletas para compor o quadro de atletas de potencial para o treinamento intensivo de rendimento em Cascavel.
“O governador Beto Richa compreendeu que o esporte não pode trabalhar o escolar longe do esporte de rendimento. Estamos investindo desde projetos como o Paraná Saudável, que visa estimular a atividade física, até a construção de centros moderníssimos para o esporte de alto rendimento”, ressaltou Evandro Rogério Roman.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governopr e www.pr.gov.br
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro