O governador Beto Richa anuncia medidas para reforçar a área de Segurança Pública. Curitiba, 06/06/2012 - Foto: Agência de Notícias do Paraná/ANPr

Richa anuncia novas medidas para reforçar a segurança pública no Estado

O governador Beto Richa reassumiu o governo nesta quarta-feira (6) e anunciou um novo pacote de medidas do programa Paraná Seguro, em solenidade realizada no Palácio Iguaçu. Richa autorizou a Polícia Civil a publicar um edital de concurso público nos próximos 30 dias para a contratar 400 delegados, até 2014. Ele também liberou a licitação para a aquisição de 1.255 viaturas e a autorizou a implantação de delegacias de Homicídios em Londrina, Maringá e Cascavel.
No mesmo ato o governador assinou os decretos de criação do 23º Batalhão da Polícia Militar, com sede na Cidade Industrial de Curitiba, e do Batalhão de Fronteira (24º BPM), com sede em Marechal Cândido Rondon, no Oeste do estado. Cada novo batalhão terá 500 policiais. No mesmo documento está prevista a criação do 7º Comando Regional da PM, sediado em Curitiba, com o nome de Comando de Operações de Eventos.
Richa disse que o Paraná Seguro, anunciado em 2011, trouxe várias medidas para melhorar as estruturas das polícias Civil e Militar para o combate à criminalidade, à violência e ao tráfico de drogas. “As novas medidas vão contribuir para fortalecer ainda mais a segurança pública no Estado”, destacou.
Segundo ele, o 23º Batalhão vai atender a Cidade Industrial de Curitiba, que é uma região com 200 mil habitantes e um grande número de homicídios e tráfico de drogas. O Batalhão de Fronteira terá 500 policiais a mais para fazer a segurança de 139 municípios da região Oeste do Paraná. “Significa ter mais policiais e mais oficiais para atender áreas onde foi detectada a necessidade, pelo grande número de casos de crimes e violência”, afirmou.
Richa lembrou o sucesso de medidas que estão sendo implantadas na segurança pública, como as Unidades Paraná Seguro instaladas nos bairros Uberaba e Parolin, em Curitiba. “Já constatamos uma redução brutal no número de crimes nessas áreas. Em um mês, depois da UPS não teve um único homicídio no Parolin”, lembrou.
Segundo Richa, é uma vergonha o Paraná ter muitas cidades que são sedes de Comarca e não tem um delegado da Polícia Civil. “Com essa nova contratação, teremos delegados em todas as comarcas e cidades grandes do estado”, disse o governador.
COMPROMISSOS — O secretário da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida Cesar, disse que nunca havia visto em um governo estadual tanta proximidade com a área da segurança e um número tão grande de medidas que estão sendo implantadas em tão pouco tempo. Segundo ele, foram criados quatro batalhões para a PM e foi anunciada a maior contratação de policiais da história do Paraná.
Almeida César ressaltou que o governo também encaminhou mensagens para criação do Fundo Estadual de Segurança Pública e para a implantação do pagamento da remuneração das forças policiais por meio de subsídio. “Com isso, estamos pagando um dos melhores salários do Brasil na área de segurança pública”, disse.
Ele lembrou ainda a autorização para a Academia Policial Militar do Guatupê para funcionar como instituição de ensino superior, oferecendo graduação como tecnólogo ou bacharel em segurança pública para todos que ingressarem na Polícia Militar. “São ações concretas, que mostram preocupação com todas as fases na vida de um policial e que mostram que o compromisso assumido está sendo integralmente cumprido”, completou o secretário.
Segundo Almeida César, as medidas estão surtindo efeito e a prova disso é a tendência consolidada de redução de número de crimes, que em maio se refletiu na redução da taxa de homicídios registrados na capital (Curitiba teve uma queda de 30% nos homicídios) e os índices de aceitação das UPS do Uberaba e Parolin, que são superiores a 90%.
PARCERIA — O prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, disse que está muito contente com a parceria com o governo do estado. Para ele, a implantação do 23º Batalhão, na CIC, no Parque dos Tropeiros, em parceria com a Prefeitura, junto com ações como instalação das UPS, e a previsão de instalação de módulos policiais em todos os bairros da capital vai trazer muitos avanços. “Tenho certeza que com a essas novas unidades vamos avançar muito mais, trazendo mais segurança para nossa população e para toda a família curitibana”, disse Ducci.
A solenidade teve a presença de mais de uma centena de policiais civis e militares, jundo com o delegado geral da Polícia Civil, Marcus Michelotto, e do comandante geral da PM, coronel Roberson Bondaruk; secretários de estado; dos deputados estaduais Valdir Rossoni, presidente da Assembleia Legislativa, e Ademar Traiano, líder do governo na casa; do deputado federal Alfredo Kaefer, do prefeito de Curitiba, Luciano Ducci e do secretário municipal da defesa Social, Nazir Chain.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
O governador Beto Richa anuncia medidas para reforçar a área de Segurança Pública. Curitiba, 06/06/2012 - Foto: Agência de Notícias do Paraná/ANPr
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro
Paraná informa