Governador Beto Richa a Secretária de Família e Desenvolvimento Social Fernanda Richa junto com o Secretário da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida César e o comandante-geral da Polícia Militar do Paraná, coronel Roberson Luiz Bondaruk, participam da inclusão na Corporação de novos policiais militares e civis.Foto:Rogério Machado/SEDS

Estado incorpora 3.120 novos policiais às forças de segurança

O governador Beto Richa autorizou nesta quinta-feira (17/05) a incorporação de um grupo de 3.120 policiais militares, civis e bombeiros que passam a integrar as forças de segurança pública do Paraná. A solenidade foi realizada no Palácio Iguaçu.
“Estamos trabalhando na busca da tranquilidade almejada no Paraná e esta é a maior contratação de policiais da história deste Estado”, disse Richa. “Nossa meta é abrir ainda neste semestre novo concurso público, para chegarmos a 10 mil novos integrantes para a Polícia Militar e 2.200 para a Polícia Civil”, afirmou.
A incorporação dos policiais faz parte das ações do programa Paraná Seguro. O grupo é formado por 1.967 policiais militares, 481 bombeiros militares e 672 policiais civis. “Não estamos medindo esforços para cumprir com as obrigações na área da segurança, para dar respostas à angústia e à intranqüilidade das famílias paranaenses”, disse Richa, ressaltando que a área é prioridade absoluta do governo.
O governador afirmou que as contratações fazem parte de um processo que inclui a modernização de estruturas, implantação dos módulos policiais e Unidades Paraná Seguro (UPS), construção de novas delegacias e aquisição de 3.000 viaturas com tecnologia embarcada. “Não tenho dúvida que com esses investimentos, somado ao bom planejamento e o ataque à criminalidade, estaremos garantindo a segurança que todos desejam”, afirmou.
Os novos militares começarão o curso de formação a partir de 21 de maio, na Academia Policial Militar do Guatupê e em outros 36 núcleos de formação no estado. Em seis meses eles estarão aptos para atuar nas ruas, no policiamento preventivo. O treinamento dos policiais civis está sendo feito pela Escola Superior de Polícia Civil desde o ano passado em grupos de 200 alunos.
O governador afirmou estão sendo investidos R$ 160 milhões em parceria com o governo federal para construção de novos presídios e ampliação de vagas para acabar com a superlotação em delegacias.
Nesta sexta-feira será entregue a ampliação da cadeia Laudemir Neves, de Foz do Iguaçu, com mais 770 vagas. “Vamos fazer construções como estas em todo Estado, para tirar os presos das delegacias e resolver esta situação lamentável que herdamos”, disse.
Richa lembrou que o Paraná está implantando o pagamento por subsídio para os policiais, respeitando Emenda Constitucional 29, e passa a ter o melhor vencimento de todo o país, o que representa a valorização dos profissionais que tem a responsabilidade de garantir a segurança da população.
O secretário da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida Cesar, disse que os novos policiais representam o início de uma grande revolução que será feita para recuperar a capacidade operacional das polícias no Paraná, que estava desmantelada, e que por isso é importante manter a regularidade das contratações.
O secretário informou que estão em curso os processos para aumentar de 21 para 30 o número de batalhões da PM e de 13 para 18 os distritos policiais na capital, além da instalação de outras oito UPS. “Vamos restabelecer às famílias paranaenses o direito de não ter medo”, disse.
O prefeito Luciano Ducci disse que o esforço do governo já começa a dar resultados na redução dos índices de criminalidade, com a queda dos homicídios. “Estamos vivendo dias melhores e em breve esperamos estar em um patamar de conforto para as pessoas na área de segurança pública”, disse Ducci.
A solenidade marcou as comemorações do Dia do Patrono da Polícia Militar, o coronel Joaquim Antônio de Moraes Sarmento. No evento, personalidades que se destacam no apoio às causas da segurança pública foram condecoradas com a medalha Coronel Sarmento.

Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Governador Beto Richa a Secretária de Família e Desenvolvimento Social Fernanda Richa junto com o Secretário da Segurança Pública, Reinaldo de Almeida César e o comandante-geral da Polícia Militar do Paraná, coronel Roberson Luiz Bondaruk, participam da inclusão na Corporação de novos policiais militares e civis.Foto:Rogério Machado/SEDS
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro
Paraná informa