Dez famílias carentes do distrito de Yolanda, em Ubiratã, na região centro-oeste do Paraná, receberam nesta sexta-feira (14) as chaves de novas casas populares construídas na localidade. A obra recebeu R$ 1,3 milhão de investimento da Itaipu Binacional, valor utilizado para custear integralmente o os imóveis ao público beneficiado. (Fotos: Cohapar)

Famílias de Ubiratã recebem casas próprias sem nenhum custo

Dez famílias carentes do distrito de Yolanda, em Ubiratã, na região centro-oeste do Paraná, receberam nesta sexta-feira (14) as chaves de novas casas populares construídas na localidade. A obra recebeu R$ 1,3 milhão de investimento da Itaipu Binacional, valor utilizado para custear integralmente o os imóveis ao público beneficiado.

A entrega das unidades habitacionais teve a participação de técnicos da Cohapar, da Itaipu e da Prefeitura de Ubiratã. O município foi responsável pela triagem e indicação dos beneficiários, com o intuito de promover o atendimento daquelas famílias mais necessitadas.

Segundo o chefe do escritório regional da Cohapar, Ben-Hur de Souza, o projeto envolveu ao todo a construção de 20 moradias, mas 10 delas foram entregues em julho devido à situação emergencial de famílias afetadas pelos estragos do ciclone bomba na região. “Devido ao risco que as famílias passavam, foi decidido junto com a administração municipal, que a primeira parte da entrega fosse antecipada”, explica Souza.

UNIDADES HABITACIONAIS – O projeto construtivo foi desenvolvido pela Cohapar e contou com as parcerias da Copel e Sanepar. As empresas foram responsáveis pela instalação subsidiada das redes de energia elétrica, água e esgoto do conjunto residencial.

As casas possuem 32 metros quadrados, com unidades de 49 metros quadrados adaptadas para pessoas com deficiência. Todas contam com dois quartos, sala, cozinha, banheiro e área de serviço externa, além de já preverem em seus projetos arquitetônicos a possibilidade de ampliações futuras.

A Prefeitura de Ubiratã contribuiu com a doação dos terrenos, obras de infraestrutura e isenção de cobrança de IPTU, de acordo com a renda das famílias beneficiadas.

De acordo com o prefeito Haroldo Duarte, a participação do Governo do Estado e da Itaipu foi de suma importância para a viabilização do empreendimento. “A doação de uma habitação é a melhoria da qualidade de vida da família”, comenta. “Sem essas parcerias o município sozinho não conseguiria desenvolver um projeto como este”, conclui o prefeito.

MUDANÇA DE VIDA – Para o diarista Anderson dos Santos, de 33 anos, o sentimento é de gratidão. “Nossa casa era em estrada de chão, entrava muita poeira e minha bebê vivia com alergias. Além disso, a gente morava de aluguel e era sempre um apuro no final do mês para conseguir o dinheiro”, conta.

Para a dona de casa Michelli Mera, 30, mãe de três filhos, a conquista da casa nova traz alívio para toda família. “Meu marido não tem emprego fixo, faz apenas uns bicos, e nós só contamos com a renda dele, então no final do mês era bem complicado conseguir o dinheiro do aluguel”, conta. “Essa casa mudou a nossa vida completamente”, comemora Michelli.

PREVENÇÃO – A entrega das chaves foi realizada individualmente para evitar aglomerações. Além disso, tanto os técnicos quanto as famílias beneficiadas utilizaram máscaras e fizeram a higienização com álcool em gel, seguindo protocolo de saúde e segurança determinados pelo Governo do Estado para evitar riscos de contaminação pela Covid-19.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Dez famílias carentes do distrito de Yolanda, em Ubiratã, na região centro-oeste do Paraná, receberam nesta sexta-feira (14) as chaves de novas casas populares construídas na localidade. A obra recebeu R$ 1,3 milhão de investimento da Itaipu Binacional, valor utilizado para custear integralmente o os imóveis ao público beneficiado. (Fotos: Cohapar)
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:

CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA
Encontrou algum erro