Obras da nova rodoviária de Francisco Beltrao com mais de 6.300 m²,  que contará 12 plataformas para ônibus, além de lojas, guichês, restaurantes, espaço para taxistas e mototaxistas, jardim no centro e salas de espera para os usuários. A construcao do Terminal Rodoviario faz parte do Plano de Apoio ao Desenvolvimento dos Municipios - PAMFoto: Geraldo Bubniak/AEN
Foto: Foto: Geraldo Bubniak Acesse a galeria de fotos

Francisco Beltrão ganha rodoviária com mais espaço e equipamentos

A nova rodoviária de Francisco Beltrão, no Sudoeste do Paraná, tem 6,3 mil metros de área construída, doze pistas para entrada e saída de ônibus, jardim interno, espaço para 16 guichês, oito salas comerciais, restaurantes e pé direito com 10,5 metros de altura. São R$ 10,4 milhões de investimento do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas. O projeto será entregue ainda neste ano.

O terminal foi erguido no bairro Água Branca, perto da PR-483 (saída para Cascavel), da PR-180 (conexão com Marmeleiro e Pato Branco) e do Contorno Norte, alça de ligação com as saídas para Coronel Vivida (PR-566) e Verê (PR-475). Ele vai substituir a estrutura antiga localizada no Centro e que ainda exige integração dos ônibus ao movimento cotidiano do município de quase 100 mil habitantes.

“O Paraná tem apostado no desenvolvimento sustentável dos municípios e no crescimento organizado. Francisco Beltrão atingiu um novo patamar como um dos polos agroindustriais e estudantis do Sudoeste e precisava de uma nova estrutura para que esse movimento intenso de pessoas tenha mais sinergia com a estrutura municipal”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

O prefeito Cleber Fontana destaca que a rodoviária atual cumpriu a sua missão. “Ela hoje possui espaço limitado para manobra e instalações antigas. Chegamos a perder linhas de turismo das regiões Norte e Sul do País porque os ônibus precisam entrar no Centro, o que pede tempo. Com a nova rodoviária a intenção é atrair mais linhas e mais passageiros”, completa o prefeito. “É uma rodoviária pensada para os próximos 50 anos”.

O prédio histórico da atual rodoviária será transformado em um terminal urbano (térreo) e em mercado público municipal (primeiro pavimento), atrativo turístico adicional em um município com vocação para produtos coloniais (queijos, compotas, vinhos e massas). De acordo com dados da prefeitura, atualmente cerca de 40 mil pessoas embarcam e desembarcam por mês em Francisco Beltrão.

OBRAS – As obras do novo terminal começaram em 1º de outubro de 2018 e atingiram 75% no começo de julho, com entrega prevista para setembro. No atual estágio estão sendo instalados os vidros e a estrutura em concreto de 18 metros de altura da caixa d’água. O convênio com o Governo do Estado engloba apenas a estrutura física, e não o entorno, que está sendo executado pela prefeitura.

Os atrasos de cerca de um ano levaram em conta as condições instáveis do terreno e as fundações, que exigiram quantidade expressiva e inesperada de trabalho. A sondagem foi feita em cima do perfil natural e as escavações acabaram se tornando muito mais profundas em alguns pontos, inclusive com necessidade de manuseio de solo na mão, sem maquinário. O projeto original previa fundações de 1,85 metro de profundidade, mas em alguns pontos elas alcançaram entre 5,5 metros e 6 metros.

A cara já é de rodoviária. De um lado ficam a entrada e o acesso dos carros e do transporte individual (táxi ou aplicativos) e do outro o pátio dos ônibus. Haverá um jardim interno logo na recepção e salas comerciais dos dois lados, com restaurantes nas pontas. Esses espaços já passam por processo de cadastramento na prefeitura.

O miolo é destinado aos guichês das empresas que operarão na rodoviária e as áreas de embarque e desembarque não serão separadas por divisórias, prevendo circulação livre das pessoas entre as longarinas. Há banheiros em mais de um ponto da estrutura, inclusive para portadores de necessidades especiais, além de salas separadas para trabalho ou leitura.

A estrutura é de alvenaria com cobertura de Galvalume. Foram utilizados, ao todo, 1,5 mil metros cúbicos de concreto, 4 mil metros de piso interno, 2 mil metros de piso externo antiderrapante e 80 latas de 18 litros de tinta para dar cara nova para a estrutura municipal.

A prefeitura também está finalizando a pavimentação do acesso e do entorno da nova rodoviária. Além da entrada pela PR-483, a conexão poderá ser feita pela Avenida Dom Agostinho Sartori, entre a Localiza e o posto da Polícia Rodoviária Federal. Haverá um trevo em rotatória em frente à entrada para a Apae e uma estrada nova até o terminal.

Box 1

Nova trincheira melhora conexões da cidade

Outra obra emblemática do Governo do Estado no município foi a trincheira de acesso ao bairro Padre Ulrico, onde vivem mais de dez mil pessoas, no cruzamento da Avenida Natalino Faust com a Rua Marília, nas proximidades do Parque de Exposições Jayme Canet Júnior e do Parque Ambiental Lago das Torres. Ela foi entregue no mês passado.

O investimento total de R$ 6,2 milhões foi liberado pelo Sistema de Financiamento aos Municípios, operacionalizado pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas e Fomento Paraná.

A trincheira melhorou a mobilidade na ligação urbana e o acesso ao futuro Contorno Noroeste, e resolveu problemas de um ponto com muitos acidentes. Apenas nesse trecho passam cerca de 14 mil veículos por dia.

Box 2

Município também terá novo Centro Cívico

O Governo do Estado também repassou R$ 8 milhões a Francisco Beltrão destinados à aquisição de um terreno para o novo Centro Cívico, área que conjugará o prédio da prefeitura, a nova Câmara Municipal, o novo Fórum, a sede do Ministério Público e um anfiteatro.

O terreno já adquirido de uma madeireira tem cerca de 23 mil metros quadrados, mas outras áreas deverão ser incorporadas ao projeto. Os prédios serão erguidos na zona central do município, próximo ao ginásio Arrudão e ao prédio antigo da rodoviária.

Já está em processo de licitação a construção do novo Fórum, prédio de cinco pavimentos que terá valor estimado em R$ 40 milhões, segundo o Tribunal de Justiça do Paraná. Em breve será iniciado o processo de licitação da sede do Ministério Público no mesmo complexo.

Box 3

Novas rodoviárias em diversas regiões contam com apoio do Estado

Além da rodoviária de Francisco Beltrão, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas investe no novo terminal de Toledo (R$ 1,8 milhão) e no de Umuarama (R$ 8,5 milhões), também a fundo perdido. De 2019 até julho deste ano foram liberados, ainda, R$ 2,5 milhões para reformas nos terminais interurbanos de Campo Largo, Jaguapitã, Guaraniaçu, Mamborê, Sengés, Turvo e Floresta.

“Temos incentivado os municípios a se modernizarem. O Estado é parceiro em projetos que melhorem a vida urbana e a integração regional. Os novos terminais rodoviários são exemplos desse olhar para o conforto e para a necessidade de estabelecer novas conexões aos paranaenses”, explica o secretário de Desenvolvimento Urbano e Obras Públicas, João Carlos Ortega.

Em Toledo os recursos envolvem a reforma do Terminal Rodoviário Alcido Leonardi, com área de 2,4 mil metros quadrados, e a construção de uma guarita e um ponto de táxi. A estrutura foi construída 1985 e passou por reformas apenas uma vez nesse período.

Já para Umuarama os recursos foram destinados para a conclusão da construção do novo terminal rodoviário intermunicipal, previsto para novembro. As obras na área de 7,3 mil metros quadrados alcançaram 65% e envolvem, entre outros itens, fechamento da cobertura em estrutura metálica e construção de um reservatório elevado de água, acesso coberto de pedestres, vestiários de funcionários, sanitários públicos, posto de Polícia Militar, guarda volumes, salas comerciais, escadas, elevadores, escadas rolantes, jardim interno, área de circulação de passageiros, áreas de embarque e desembarque, plataformas de estacionamentos para ônibus e estacionamento para veículos.

Há, ainda, um investimento de R$ 338 mil planejado para a rodoviária de Guaratuba, no Litoral. As obras serão realizadas no estacionamento dos ônibus, de veículos, embarque, lojas e atendimento.

CONFIRA O ESPECIAL PARANÁ EM OBRAS

Modernização do aeroporto de Cascavel é estratégica para o Oeste

Novo reservatório de Cascavel será entregue em agosto

Sanepar investe R$ 72 milhões em obras de captação em Cascavel

Nova ponte viabiliza importante eixo de crescimento de União da Vitória

Asfalto na PR-912 garante novos tempos a Coronel Domingos Soares

Segunda ponte de Foz do Iguaçu tem ritmo intenso de obras

Paraná Trifásico abre espaço para agropecuária crescer mais

PCH Bela Vista está com 50% das obras concluídas

Prefeitura de Carambeí terá sede própria após 25 anos de aluguel

​Rua do Mate valoriza a cultura e a produção de São Mateus do Sul

Investimento do Governo melhora a cidade e a vida em Arapongas

PR-323 vai ganhar novo trecho duplicado para salvar vidas

Aguardada há 30 anos, duplicação da PR-445 impulsiona o Norte do Estado

Londrina avança para universalização do tratamento de esgoto

Pavimentação da PR-364 já muda vida de quem vive no Centro-Sul

Barracão vai se transformar na casa da inovação de Londrina

São João do Triunfo recebe casas novas após quase 30 anos

Rebouças ganha projeto pioneiro de requalificação urbana

Novo contorno rodoviário de Pato Branco fortalece o desenvolvimento do Sudoeste

Pavimentação de estradas rurais muda o cenário nos municípios

Túnel sob Francisco Beltrão vai acabar com cheias históricas

Investimento vai acabar com falta de água em Laranjeiras do Sul

Ponta Grossa tem novo parque e avenida revitalizada

Após 30 anos, escola de Coronel Vivida vai ganhar sede própria



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Obras da nova rodoviária de Francisco Beltrao com mais de 6.300 m²,  que contará 12 plataformas para ônibus, além de lojas, guichês, restaurantes, espaço para taxistas e mototaxistas, jardim no centro e salas de espera para os usuários. A construcao do Terminal Rodoviario faz parte do Plano de Apoio ao Desenvolvimento dos Municipios - PAMFoto: Geraldo Bubniak/AEN
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:

CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA
Encontrou algum erro
Paraná informa