Coronel VividaFoto Gilson Abreu
Foto: Gilson Abreu Acesse a galeria de fotos

Após 30 anos, escola de Coronel Vivida vai ganhar sede própria

Falta pouco para o Colégio Estadual Tancredo Neves, em Coronel Vivida, na Região Sudoeste, abrir as portas de sua casa nova para a comunidade. Depois de quase 30 anos morando de aluguel, a escola enfim vai ganhar uma sede própria. 

A construção do centro de educação é uma das 136 obras de infraestrutura escolar em execução pelo Governo do Estado por meio do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar). O investimento total é de R$ 88,3 milhões. A unidade de Coronel Vivida recebe cerca de R$ 3,8 milhões.

“Será uma escola grande, toda ela modernizada para atender os projetos que estamos implantando na educação do Paraná”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior. “O Governo precisa estar atento ao que a sociedade espera das escolas, ao que é necessário para a educação, e trabalhar para atender”, acrescenta.

PERTO DE CASA - Quem comemora é a família Garçal. As irmãs Silmara e Marizete moram a poucos metros do Tancredo Neves. Elas já fazem planos de matricular os filhos na escola vizinha.

“Fica mais fácil para os alunos irem para a aula, em uma estrutura nova e com ensino gratuito”, conta a dona de casa Silmara, mãe de duas crianças, de 5 e 13 anos. “A outra escola estava meio acabada, a gente precisava de algo novo, mais perto de casa”, completa Marizete, enquanto aponta para a filha de 9 anos a estrutura que vai recebê-la a partir do próximo ano letivo.

ESTRUTURA – A nova sede do Colégio Estadual Tancredo Neves tem 2.780,78 metros quadrados. Serão 12 salas de aula, bloco administrativo, cozinha, quadra poliesportiva coberta, laboratórios, biblioteca e casa do zelador. Poderá atender até 1.200 alunos nos três turnos, do ensino fundamental e ensino médio.

De acordo com a Fundepar, a obra está 75% concluída. A estimativa é que fique pronta em até 60 dias. “O Governo do Paraná tem investido fortemente na infraestrutura escolar para contribuir com a qualidade de ensino ofertado nas nossas escolas estaduais”, ressalta o presidente da Fundepar, Alessandro Oliveira.

O ATUAL - Ele destaca, ainda, que o prédio onde funciona atualmente a escola Tancredo Neves é municipal e tem quase 30 anos. Como o espaço está sendo dividido, a estrutura abriga também crianças da educação infantil ofertada pela prefeitura de Coronel Vivida.

“A oferta de ambientes adequados, sejam salas de aula, laboratórios, bibliotecas ou quadras esportivas, auxilia no melhor desempenho escolar dos nossos estudantes e no convívio social”, destaca Oliveira.

Box
Para equipamentos e mobiliários são mais R$ 23,3 milhões

Além da estrutura física, o Governo do Paraná investiu só neste ano cerca de R$ 23,3 milhões na compra de equipamentos e mobiliários que chegam para as mais de 2,1 mil escolas da Rede Estadual de Ensino.

São aproximadamente 550 mil unidades, entre cadeiras, mesas, talheres em inox, pratos, banquetas, armários, mesas-refeitório, refrigeradores e climatizadores que foram distribuídos nos últimos meses para contribuir com a infraestrutura escolar.

Cada uma das mais 2,1 mil escolas recebe ao menos um item do material adquirido.  Entre os equipamentos estão 2.790 climatizadores para 170 escolas com mais de 200 alunos.

As unidades estão distribuídas pelos Núcleos Regionais de Educação de Maringá, Loanda, Paranavaí e Umuarama, no Noroeste do Estado; Londrina, no Norte; Cornélio Procópio e Jacarezinho, Norte Pioneiro. 

Estão programadas, ainda, novas aquisições para atender outras regiões. “O Governo investe na modernização das escolas para proporcionar aos estudantes da rede estadual as melhores condições de aprendizagem”, destaca o secretário de Estado da Educação e Esporte, Renato Feder.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Coronel VividaFoto Gilson Abreu
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:

CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA
Encontrou algum erro
Paraná informa