A equipe do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) comemora a cura do colaborador Vando Dobranski,  que vinha lutando contra o coronavírus (Covid-19). Após 20 dias internado, sendo 18 deles na Unidade de Terapia Intensiva, Vando recebeu alta nesta sexta-feira (17). Foto: Detran

​Detran-PR comemora recuperação de colaborador da Covid-19

A equipe do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) comemora a cura do colaborador Vando Dobranski,  que vinha lutando contra o coronavírus (Covid-19). Após 25 dias internado, sendo 18 deles na Unidade de Terapia Intensiva, Vando recebeu alta nesta sexta-feira (17).

O servidor é recém aposentado. Durante todo o período de internamento, funcionários do departamento estiveram acompanhando o estado de saúde do colega de trabalho.

“Essa é uma notícia de esperança para todos, principalmente para aqueles que foram infectados por esse vírus avassalador. O senhor Vando faz parte da história do Detran, estamos felizes com a sua recuperação e melhora”, comentou o diretor-geral do Detran-PR, Cesar Vinicius Kogut.

Retornando de um cruzeiro em comemoração à sua recém aposentadoria, depois de 35 anos de serviços prestados, Vando apresentou alguns sinais incomuns na sua saúde. "Começou com leves dores no corpo e tosse". Mas, sem nenhuma desconfiança, continuou normalmente com a sua rotina, como idas a mercado e visitas em família.

Com as dores no corpo, tosse e o aparecimento da febre, Vando procurou atendimento médico no dia 20 de março. Retornou à residência e ficou em observação. Porém, três dias depois, seu estado piorou e ele foi encaminhado para a UTI.

Durante o tempo de internamento, suas filhas, Vânia e Vanda Dobranski, estiveram acompanhando de perto essa batalha. “Éramos responsáveis em passar as informações dos médicos para nossos familiares, então, tínhamos que estar fortes e otimistas sempre. Porém, após esses momentos, desabávamos. Foram seis dias de desespero, de piora, mas tínhamos fé de que ele sairia dessa, e saiu”, afirma Vanda.

“Foram 18 dias de UTI,  nossa família passou por dias extremamente difíceis mas nunca deixamos de perder a fé e a esperança, sentimos toda a força vinda de amigos, que a cada mensagem acalmavam nossos corações”, conta Vânia.

No último sábado (11), Vando foi transferido da UTI para o quarto. Sua recuperação foi diagnosticada como imprevisível diante de todo o quadro e suas limitações pela idade, 64 anos.

“Não vejo a hora de estar em casa, com minha família. Foram dias de muito sofrimento, saí para passear e voltei doente. Nos momentos sedados, tinha apenas pensamentos ruins, coisas ruins na minha cabeça. Entendia muito pouca coisa do que me falavam, sabia que era da minha família, que estavam querendo notícias minha. Estou vivo e bem. Sou grato pela minha vida”, disse Vando.

Após a alta do hospital, Vando seguirá em repouso em sua residência, acompanhado por fisioterapia e cuidados com o retorno às atividades do dia a dia.

ISOLAMENTO  Na viagem, Vando, esteve acompanhado de sua esposa, que também teve os sintomas do COVID-19, mas em estágio leve. Sendo necessário apenas a observação e quarentena. Suas filhas e demais pessoas que tiveram contato, não apresentaram sintomas.

PREVENÇÃO – Com cuidados simples pode-se evitar a contágio e a transmissão do novo COVID-19. O uso de máscaras protetoras, lavar bem as mãos, o uso de álcool em gel e o distanciamento social são os principais meios para evitar a proliferação do vírus.

Saiba mais pelo endereço www.coronavirus.pr.gov.br



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
A equipe do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR) comemora a cura do colaborador Vando Dobranski,  que vinha lutando contra o coronavírus (Covid-19). Após 20 dias internado, sendo 18 deles na Unidade de Terapia Intensiva, Vando recebeu alta nesta sexta-feira (17). Foto: Detran
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:

CAPTCHA imageRecarregar CAPTCHA
Encontrou algum erro
Paraná informa