O cônsul argentino em Curitiba, Pedro Ezequiel Marotta, e o adjunto Sebastián Bertuzzi, visitaram nesta quarta-feira (13) a sede da administração da empresa pública Portos do Paraná, no Palácio Taguaré, em Paranaguá. “A intenção foi conhecer melhor como foi o crescimento do Porto, como é a logística e como pode melhorar a parceria”, disse o cônsul. Foto: Claudio Neves

Porto de Paranaguá recebe visita de cônsul argentino

O cônsul argentino em Curitiba, Pedro Ezequiel Marotta, e o adjunto Sebastián Bertuzzi, visitaram nesta quarta-feira (13) a sede da administração da empresa pública Portos do Paraná, no Palácio Taguaré, em Paranaguá. “A intenção foi conhecer melhor como foi o crescimento do Porto, como é a logística e como pode melhorar a parceria”, disse o cônsul.

De acordo com o diretor jurídico e presidente em exercício da Portos do Paraná, Marcus Vinícius Freitas dos Santos, a delegação argentina recebeu um panorama do que são os portos paranaenses hoje em dia. “Tivemos a oportunidade de explicar nosso cenário atual, a perspectiva futura de ampliação dos berços de atracação e também apresentar a movimentação de automóveis, que interessa muito ao Governo Argentino”, revelou.

Para o dirigente da empresa pública, esse tipo de encontro estreita a relação e pode gerar novas oportunidades de negócio. Para a Argentina, Paranaguá é estratégico. “Estamos muito isolados e distantes dos grandes centros de comércio internacional, então Paranaguá é um grande hub que a gente aproveita”, explicou Marotta. Ele aposta que a parceria, com parada nos portos paranaenses, possa atrair mais navios para os portos argentinos na sequência das viagens.

CARGAS - Os argentinos também receberam um relato do tipo de carga que envolve Paranaguá e Argentina. “Tem muito carro indo e vindo, trigo, maquinário agrícola, malte para a cerveja que é fabricada aqui e esse malte vem da Argentina. Temos um relacionamento muito próximo e muito sadio porque em geral são produtos de muito valor agregado”, completou Marotta.

De janeiro a outubro, este ano, foram 795 mil toneladas de produtos argentinos que entraram por importação pelos Portos do Paraná, somando mais de US811,3 milhões. De exportação para o país, saindo pelos terminais paranaenses, foram 423.470 toneladas de cargas, gerando receita de mais de US$306 milhões. Os dados são do Ministério da Economia, Indústria, Comércio Exterior e Serviço.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
O cônsul argentino em Curitiba, Pedro Ezequiel Marotta, e o adjunto Sebastián Bertuzzi, visitaram nesta quarta-feira (13) a sede da administração da empresa pública Portos do Paraná, no Palácio Taguaré, em Paranaguá. “A intenção foi conhecer melhor como foi o crescimento do Porto, como é a logística e como pode melhorar a parceria”, disse o cônsul. Foto: Claudio Neves
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro