Agentes que atuam nas Unidades de Socioeducação participam nesta quarta e quinta-feira (06 e 07) de um curso na Escola de Magistratura do Paraná, em Curitiba. O objetivo é a especializar esses profissionais para o trabalho com as famílias dos adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa de internação provisória, internação e semiliberdade.Foto:Divulgação/ SEJUF

Curso aborda fortalecimento de vínculos entre adolescentes e familiares

Agentes que atuam nas Unidades de Socioeducação participam nesta quarta e quinta-feira (06 e 07) de um curso na Escola de Magistratura do Paraná, em Curitiba. O objetivo é a especializar esses profissionais para o trabalho com as famílias dos adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa de internação provisória, internação e semiliberdade.

De acordo com o chefe do Departamento de Atendimento Socioeducativo da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho, David Antônio Pancotti, a iniciativa é inovadora. “O curso especializa os agentes profissionais que atuam nas unidades com a relação educativa entre os adolescentes e suas famílias, e também os capacita com os princípios da gestão das políticas públicas para Garantia dos Direitos das Crianças e Adolescentes”.

Promovida pela Secretaria da Justiça, Família e Trabalho, a capacitação está inserida em um grande projeto de formação continuada financiada com apoio do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente (Cedca). “O trabalho com famílias tem prerrogativa legal e deve ser realizado futuramente por todas as unidades socioeducativas”, explicou Pancotti. O curso é promovido por meio da Escola de Educação em Direitos Humanos e do Departamento de Atendimento Socioeducativo (Dease).

“O debate sobre a importância do acompanhamento familiar é muito importante para fortalecer vínculos e desenvolver constantemente o trabalho de reconstrução do adolescente”, destacou o secretário da Justiça, Ney Leprevost.

O curso contou com palestras que vão contribuir para o trabalho dentro das unidades para a padronização e o alinhamento de ações e procedimentos básicos de atuação interna, oferecendo atendimentos e demais instrumentos pedagógicos que qualifiquem o serviço prestado aos adolescentes e suas famílias.

Participaram da capacitação os agentes profissionais que atuam nas unidades socioeducativas dos Centros de Socioeducação (Censes) e Casas de Semiliberdade do Paraná.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Agentes que atuam nas Unidades de Socioeducação participam nesta quarta e quinta-feira (06 e 07) de um curso na Escola de Magistratura do Paraná, em Curitiba. O objetivo é a especializar esses profissionais para o trabalho com as famílias dos adolescentes em cumprimento de medida socioeducativa de internação provisória, internação e semiliberdade.Foto:Divulgação/ SEJUF
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro
Paraná informa