Governo capacita mais de 500 agentes penitenciários. Foto: Divulgação/Depen

Governo capacita mais de 500 agentes penitenciários

O Departamento Penitenciário do Paraná (Depen) já capacitou mais de 500 agentes penitenciários em todo o Estado para integrarem os Grupos de Segurança Interna (GSI), responsáveis por reforçar a segurança dentro das unidades prisionais paranaenses. O treinamento é feito por meio da Escola de Formação e Aperfeiçoamento Penitenciário (Espen) e do Setor de Operações Especiais (SOE).

“O Depen realiza investimentos importantes na capacitação de seus profissionais, visando a preservação da vida e a pacificação do ambiente penitenciário. Estes cursos proporcionam aos agentes a aquisição de conhecimentos para que eles possam exercer os procedimentos de rotina nas unidades penais com maior segurança e eficiência”, destaca o diretor do Depen, Francisco Caricati.

Nesta semana, uma solenidade de formatura deu boas-vindas aos 61 agentes penitenciários da regional de Cascavel que passaram pelo processo de capacitação em setembro e agora estão aptos a atuar junto ao GSI.

Os agentes formados fazem parte das equipes da Penitenciária Industrial de Cascavel (PIC), da Penitenciária Estadual de Cascavel (PEC), da regional de Cadeias Públicas de Cascavel, além de quatro profissionais da Guarda Municipal e um profissional da Polícia Civil do Paraná.

O coordenador do curso na regional de Cascavel, Rodrigo Cardoso, explica que a formação somou 80 horas de atividades. Foram abordados temas como direitos humanos; legislações internacional, federal e estadual relativas ao uso diferenciado da força; técnicas de algemamento, imobilização tática e controle de presos agressivos.

Os profissionais também receberam capacitação para o uso de tecnologia não letal e noções básicas de intervenção prisional, de atendimentos pré-hospitalares de combate, manutenção e manuseio de armamento.

“A formação tem por objetivo capacitar agentes penitenciários para atuar no ambiente prisional, fazendo o uso diferenciado da força, visando a preservação da integridade física dos internos e dos servidores”, destaca Cardoso.

Para o coordenador regional do Depen em Cascavel, Thiago Correia, por meio do trabalho do GSI, o Departamento Penitenciário do Paraná tem possibilitado mais um importante instrumento para reforçar a segurança nas unidades penais do Estado. 

GSI - Entre as atribuições das equipes estão a fiscalização dos pátios de sol dos presos, algumas movimentações e as rondas intramuros, que evitam possíveis tentativas de fuga e garantem também a disciplina, a segurança e a ordem no ambiente penal.

Para integrar o GSI os agentes passam por uma intensa capacitação, coordenada pela Escola de Formação e Aperfeiçoamento Penitenciário (Espen) e o Setor de Operações Especiais (SOE). Esses cursos têm sido realizados  em Curitiba e nas regionais do Depen - Cascavel, Cruzeiro do Oeste, Foz do Iguaçu, Francisco Beltrão, Londrina, Maringá e Ponta Grossa.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Governo capacita mais de 500 agentes penitenciários. Foto: Divulgação/Depen
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro