Paraná discute estratégia para diminuir acidentes de trabalho

O Paraná registrou 38.513 acidentes de trabalho em 2018, sendo que 220 pessoas perderam a vida, de acordo com dados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Nesta quinta-feira (19), a Superintendência Geral de Diálogo e Interação Social (Sudis), do Governo do Paraná promove uma a videoconferência dentro da Semana Estadual de Segurança e Saúde no Trabalho para debater o tema e buscar estratégias para a redução dos índices.

O evento começa às 9 horas no auditório da Escola de Saúde Pública do Paraná, no bairro Tarumã, em Curitiba. Contará com a presença do superintendente da Sudis, Mauro Rockenbach; do Secretário de Estado da Saúde, Beto Preto; do superintendente regional do Trabalho, Paulo Kroneis; do deputado estadual Fernando Francishini; o chefe da Fundacentro, órgão do Governo Federal, Adir de Souza; o auditor-fiscal do trabalho, Fábio Lantmann, e o presidente da Fundação Força Trabalhista do Paraná e Central Força Trabalhista do Brasil, Walter Cezar.

Rockenbach explica que o Paraná tem buscado alternativas para melhorar o ambiente de trabalho e que a expectativa é que os índices de 2019 apontem para uma evolução positiva, com a diminuição no número de acidentes. “A importância desta videoconferência é a aproximação do Estado com o tema, pois é com a participação todos os atores envolvidos que conseguimos diminuir os índices de acidentes laborais”, afirmou.

Criada pela lei estadual 16.215 de 2009, a Semana Estadual de Segurança e Saúde do Trabalho faz parte do calendário oficial do Estado. O evento acontece sempre na terceira semana do mês de setembro. “O governo do Paraná está contribuindo para que os trabalhadores, interessados, responsáveis e estudiosos tenham cada vez mais a consciência do fazer e não a obrigatoriedade do fazer. É preciso desenvolver técnicas para que o mundo trabalhe na ciência, segurança e prevenção dos acidentes de trabalho”, explicou Walter Cezar.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro