O Núcleo Estadual de Políticas sobre Drogas, da Secretaria de Estado da Segurança Pública, divulgou nesta sexta-feira (13) o resultado do 3º Concurso de Produção de Material Audiovisual Sobre Drogas, realizado em parceria com a Secretaria da Educação.Foto: Divulgação/SESP

Segurança divulga resultado de concurso de vídeos sobre drogas

O Núcleo Estadual de Políticas sobre Drogas, da Secretaria de Estado da Segurança Pública, divulgou nesta sexta-feira (13) o resultado do 3º Concurso de Produção de Material Audiovisual Sobre Drogas, realizado em parceria com a Secretaria da Educação.

Na categoria “escola pública”, o Colégio Estadual Sagrada Família, de Campo Largo, venceu pela terceira vez o concurso, atingindo a nota final de 9,4. A segunda colocação ficou com o Colégio Estadual Indígena Kuaa Mbo’e, de Diamante D’’ Oeste, com a nota de 9,0, e a terceira colocação foi para o Colégio Estadual do Campo Rui Barbosa, de Matelândia, com 8,9.

Entre as escolas privadas, dois estabelecimentos de ensino empataram em primeiro lugar: Colégio Sesi - Campus Afonso Pena, de São José dos Pinhais, e o Colégio Sesi - Campus Loanda, ambos com nota 9,0. Nos critérios de desempate, o Colégio de São José dos Pinhais conquistou o bicampeonato, deixando a sede de Loanda na segunda colocação. O terceiro lugar da categoria ficou com o Colégio Sesi - Campus de Londrina, com a nota de 8,7.

Os vídeos dos colégios vencedores serão exibidos nas salas de cinema de todo o Paraná em junho de 2020, conforme dispõe a Lei 19.068/17, que obriga a veiculação de informe publicitário para esclarecimentos sobre os malefícios do uso de drogas ilícitas e prejuízos relativos ao abuso de drogas lícitas.

““Acreditamos que o objetivo do concurso foi atingido, fazendo com que os alunos debatessem sobre esse tema tão importante que é o malefício de uso das drogas lícitas e ilícitas, iniciando este dentro das salas de aula e depois levando também para dentro de suas respectivas residências””, afirmou o diretor do Departamento Estadual de Políticas Públicas Sobre Drogas, delegado Renato Figueiroa.

Dentre os quesitos avaliados nos vídeos estão criatividade, originalidade, relevância da mensagem de prevenção, coerência e adequação com o tema, qualidade técnica, sonora e visual, qualidade informativa e grau de assimilação da mensagem.

A banca avaliadora foi composta por integrantes das secretarias estaduais da Segurança Pública; da Educação e do Esporte; e da Comunicação Social e da Cultura; Assembleia Legislativa do Paraná, Conselho Estadual de Política sobre Drogas e Sindicato dos estabelecimentos Particulares de Ensino (Sinepe).

“É importante salientar um aumento significativo de participação dos colégios particulares neste ano, além da primeira participação, e consequente classificação em segundo lugar, de um Colégio Estadual Indígena, fazendo com que o debate sobre os malefícios das drogas transcenda os colégios da cidade, chegando também ao campo, em especial, a um grupo conhecido por sua vulnerabilidade social, como os índios””, ressalta o Figueiroa.

ANO QUE VEM - O edital para o próximo concurso estará disponível no site do Núcleo Estadual de Políticas sobre Drogas a partir de março de 2020.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
O Núcleo Estadual de Políticas sobre Drogas, da Secretaria de Estado da Segurança Pública, divulgou nesta sexta-feira (13) o resultado do 3º Concurso de Produção de Material Audiovisual Sobre Drogas, realizado em parceria com a Secretaria da Educação.Foto: Divulgação/SESP
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro