Corpos artísticos do Teatro Guaíra viajam pelo Brasil

O G2 Cia. de Dança e o Balé Teatro Guaíra se apresentam em Recife e São Paulo, respectivamente, em agosto, e levam para o Brasil o melhor da arte produzida no Paraná. Em Pernambuco, será apresentado o espetáculo La Cena e no Museu de Arte de São Paulo (Masp), o BTG dança Trânsito.

As viagens fazem parte das comemorações do aniversário das duas companhias. Em 2019, o BTG celebrou 50 anos com uma temporada de sucesso pelo Paraná. Foram seis sessões lotadas no Guairão, com 13,2 mil espectadores, e uma turnê por sete cidades do Estado. O G2 Cia. de Dança completa 20 anos em novembro deste ano e se consagra como a única companhia de bailarinos master do país. A bailarina Ana Silva, de 64 anos, é a dançarina com maior tempo em atividade profissional no Brasil atualmente.

Com texto e direção de Cleide Piasecki, a montagem mescla dança e interpretação para contar a história de um grupo de empregados que preparam a festa de fim de ano de uma mansão. Serão três apresentações desse espetáculo na Caixa Cultural, em Recife – duas durante o projeto Pintando o 7, direcionado ao público infantojuvenil, e uma sessão extra no sábado, às 20h, para o público em geral. Haverá também uma oficina de processo criativo.

La Cena estreou em 2016 e é inspirado nos contos e personagens de Hoffmann (Quebra-Nozes, Camundongo Rei e o Homem de Areia), de Neil Gaiman (Sandman) e Serguei Diaguilev (Ballets Russes). O grupo trabalha na mansão do Sr. Stahlbaum e, após alguns incidentes, todos mergulham em um sono profundo que desperta os desejos mais secretos e inconfessáveis pesadelos.

G2 - O G2 Cia de Dança, criado em dezembro de 1999, é formado por bailarinos do Teatro Guaíra, que se dedicam ao trabalho de pesquisa de movimento e criação coletiva para a montagem de espetáculos. Além de atuarem como intérpretes criadores, os bailarinos unem técnica e maturidade artística na busca de novas estéticas na linguagem da dança contemporânea.

TRÂNSITO - Trânsito, da coreógrafa baiana Ana Vitória, estreou em 2001 e teve como base uma pesquisa musical realizada pelo pianista, arranjador e compositor Cláudio Dauelsberg, criada especialmente para o Balé Teatro Guaíra. A composição apresenta ritmos tribais de culturas distintas, diversidade que também aparece na movimentação cênica. A coreografia será apresentada no Masp, em São Paulo, durante a Semana Paulista de Dança. A entrada é gratuita.

BTG - Criado em 1969, o BTG é a terceira companhia pública mais antiga do país. Em 50 anos de história, foram dançadas mais de 150 coreografias, com a passagem de grandes nomes da dança nacional, como Ana Botafogo, que estreou no Guairão como solista, e Carlos Trincheiras, coreógrafo de O Grande Circo Místico, maior sucesso do balé brasileiro. Atualmente tem 23 bailarinos.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro