O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou nesta sexta-feira (01) da posse da cúpula diretiva do Tribunal de Justiça do Paraná. O desembargador Adalberto Xisto Pereira assume a presidência do órgão para o biênio 2019-2020, no lugar do desembargador Renato Braga Bettega.  -  Curitiba, 01/02/2019  -  Foto: Rodrigo Félix Leal/ANPr.

Poderes devem trabalhar em conjunto em favor do Paraná

O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou nesta sexta-feira (01) da posse da cúpula diretiva do Tribunal de Justiça do Paraná e defendeu a harmonia entre os poderes. O desembargador Adalberto Xisto Pereira assume a presidência do órgão para o biênio 2019-2020, no lugar do desembargador Renato Braga Bettega.

Ratinho Junior disse que o Tribunal de Justiça é um órgão de muita credibilidade e que todos os poderes devem trabalhar juntos em favor do Estado. “Executivo, Legislativo e Judiciário devem trabalhar juntos para criar uma agenda positiva para o Paraná. Este é o nosso grande objetivo. Existe um novo ambiente no Paraná que é muito positivo”, disse o governador.

Ele também destacou a trajetória do novo presidente do Tribunal de Justiça. Segundo ele, Xisto Pereira traz muita experiência ao TJ. “É um desembargador que tem uma história de prestação de serviço no Judiciário de forma exemplar”, disse.

Pereira afirmou, em seu discurso, que a harmonia entre os poderes está prevista na Constituição, respeitando a independência de cada poder. “Caminharemos lado a lado para construir o diálogo em nome de um bem-comum para os paranaenses. Também trabalharemos na execução de políticas públicas comum”, disse.

CÚPULA - A nova cúpula diretiva é formada, além do presidente, pelo 1º vice-presidente, desembargador Wellington Emanuel Coimbra de Moura; pelo corregedor-geral da Justiça, desembargador José Augusto Gomes Aniceto; pelo 2º vice-presidente, desembargador José Laurindo de Souza Netto, e pelo corregedor de Justiça, desembargador Luiz Cezar Nicolau.

O cargo de ouvidor-geral será chefiado pela desembargadora Ana Lúcia Lourenço, e como ouvidora-substituta a desembargadora Maria Aparecida Blanco de Lima. Farão parte do Conselho da Magistratura durante a nova gestão os desembargadores Francisco Pinto Rabello Filho, Antonio Loyola Vieira, Joeci Machado Camargo e Lilian Romero.

Além disso, também tomaram posse os nove desembargadores eleitos para compor o Órgão Especial: Carlos Mansur Arida; Paulo Cezar Bellio; Mário Helton Jorge;  José Laurindo de Souza Netto; Luiz Osório Moraes Panza; Fernando Paulino da Silva Wolff Filho; Clayton de Albuquerque Maranhão; Sigurd Roberto Bengtsson e Fernando Antonio Prazeres.

PRESENÇAS – Participaram da solenidade o vice-governador Darci Piana; o presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, deputado Ademar Traiano; o procurador-geral de Justiça do Paraná, Ivonei Sfoggia; o chefe da Casa Civil, Guto Silva; o secretário de Estado do Desenvolvimento Sustentável e Turismo, Márcio Nunes; o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Péricles de Matos; o arcebispo de Curitiba, dom José Antônio Peruzzo; o presidente da Associação dos Magistrados do Paraná, Geraldo Dutra de Andrade Neto; os deputados estaduais Luiz Claudio Romanelli, Alexandre Curi e Maria Victória e o ex-governador Orlando Pessuti.



Saiba mais sobre o trabalho do Governo do Estado em:
http:///www.facebook.com/governoparana e www.pr.gov.br
O governador Carlos Massa Ratinho Junior participou nesta sexta-feira (01) da posse da cúpula diretiva do Tribunal de Justiça do Paraná. O desembargador Adalberto Xisto Pereira assume a presidência do órgão para o biênio 2019-2020, no lugar do desembargador Renato Braga Bettega.  -  Curitiba, 01/02/2019  -  Foto: Rodrigo Félix Leal/ANPr.
Acesse a galeria de fotos
Recomendar esta notícia via e-mail:
Encontrou algum erro