Rádio - Notícias

31/07/2020

IDR-Paraná completa 200 dias de existência


Já se passou um semestre desde que o Instituto de Desenvolvimento Rural do Paraná – Iapar-Emater foi criado. Nesses mais de 200 dias, o IDR-Paraná se consolidou, mesmo em meio a uma pandemia, como entidade de referência no meio rural. Unindo Emater, Iapar, CPRA e Codapar, o IDR congrega a excelência da pesquisa, da assistência técnica e extensão rural, do fomento e da agroecologia. Com o desafio de entregar um serviço com mais qualidade ao agricultor paranaense, o instituto proporcionou que pesquisa e extensão tivessem maior proximidade, segundo o diretor-presidente do órgão, Naralino Avance de Souza.// SONORA NATALINO AVANCE.// Os quatro organismos que deram origem ao IDR têm histórico de contribuição relevante para o processo de interiorização do Estado, em geração de conhecimento, disponibilização de tecnologia para os agricultores e orientação técnica. O secretário de Estado da Agricultura, Norberto Ortigara, destacou que a história do próprio Estado reúne um processo consistente de desenvolvimento rural. De acordo com ele, o IDR veio para modernizar e potencializar os serviços rurais. Já o diretor de Integração Institucional, Rafael Fuentes, reforçou que o trabalho conjunto dos quatro órgãos anteriores amplia a capacidade de trabalho junto aos agricultores.// SONORA RAFAEL FUENTES.// Para Nelson Harger, diretor de Extensão Rural do instituto, as demandas dos agricultores estão cada vez mais complexas.// SONORA NELSON HARGER.// O sucesso dessas e das demais áreas de atuação do IDR-Paraná passa por um corpo técnico qualificado atuando em todas elas. Desde a criação do órgão, houve um grande trabalho para realizar adaptações, como a redução de 40% em cargos de comissão e em 28% em despesas, mas ainda assim avançando nos trabalhos. Outras informações sobre a atuação do IDR-Paraná podem ser conferidas no site www.aen.pr.gov.br. (Repórter: Wyllian Soppa)


Recomendar esta página via e-mail: