Rádio - Notícias

29/07/2020

Ônibus são embarcados em operação inédita no Porto de Paranaguá


Pela primeira vez, um navio tipo Ro-Ro, que transporta cargas rolantes, carregou um lote completo de ônibus no Porto de Paranaguá. A embarcação levou nesta semana 130 veículos de transporte de passageiros para Luanda, na Angola. Os ônibus foram adquiridos pelo Ministério dos Transportes do país africano. Essa quantidade de ônibus embarcada, em uma única operação, também é novidade no porto paranaense. O navio atracou na última segunda-feira, no berço 215. A operação foi realizada pela Marcon, principal empresa operadora de veículos e carga geral no Porto de Paranaguá. Da atracação até ser finalizado o carregamento dos ônibus no navio, o processo durou 6 horas. Segundo o diretor de operações, Luiz Teixeira da Silva Júnior, a Portos do Paraná tem eficiência operacional para trabalhar com esse tipo de carga. // SONORA LUIZ TEIXEIRA // Uma das vantagens do Porto de Paranaguá, segundo ele, são as áreas que a empresa pública oferece aos usuários, dentro do porto organizado, com total condição para formar o lote. // SONORA LUIZ TEIXEIRA // Os armadores do navio são europeus e os serviços dessa operação foram coordenados pela empresa Wasa Projects Logistics, de São Paulo, em parceria com a Marcon Serviços de Despachos em Geral, de Paranaguá. Os ônibus que estão sendo exportados pela Marcopolo, sob coordenação da Asperbras, foram fabricados por uma unidade da empresa no Rio Grande do Sul. Essa é a primeira exportação de ônibus da empresa, com um kit de proteção, denominado BioSafe, em que há uma barreira física para proteger motoristas e cobradores do contágio de doenças por contato com passageiros. (Repórter: Rodrigo Arend)


Recomendar esta página via e-mail: