Rádio - Notícias

23/02/2020

Em dois meses, Paraná ganha novas rotas das principais companhias aéreas


Novas rotas aéreas para Foz do Iguaçu, conexões com São Paulo e Brasília e um novo destino internacional formam o panorama neste início de 2020 na aviação civil do Estado. Em pouco mais de um mês foram anunciadas oito novas rotas das empresas Latam, Azul e Voepass. O aumento de voos é uma contrapartida da redução do ICMS do querosene da aviação civil. Outras medidas também confirmam o avanço no setor aeroviário, como a liberação da ordem de serviço para as obras da nova pista do Aeroporto Internacional Cataratas e o anúncio do investimento de um bilhão e 500 milhões de reais nos quatro aeroportos paranaenses que serão concedidos para a iniciativa privada neste ano. Para o governador Carlos Massa Ratinho Junior, as conquistas mostram que os investidores e o governo federal estão animados com a perspectiva econômica do Estado. As novas rotas, como destacou, conectam ainda mais o Paraná com o País e possibilitam novos negócios, além do desenvolvimento do turismo.// SONORA RATINHO JUNIOR.// O secretário de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, ressalta que os novos voos anunciados neste ano ajudam a fortalecer a malha aérea local. Com novas negociações em andamento, ele prevê mais anúncios nos próximos dias.// SONORA SANDRO ALEX.// A VoePass Linhas Aéreas, antiga Passaredo, começou a operar em janeiro voos entre Ponta Grossa, nos Campos Gerais, e o Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. São dois voos diários por trecho entre segunda-feira e sexta-feira, e voos diários aos sábados e domingos. A companhia também já anunciou uma operação entre Foz do Iguaçu e Ponta Grossa, a partir de 29 de março. A nova rota é uma parada adicional do trajeto São Paulo-Foz do Iguaçu, com escala de 25 minutos em Ponta Grossa. A Latam começa a operar em março uma rota diária entre Curitiba e Foz do Iguaçu. A empresa já opera cerca de 280 voos semanais no Paraná. Curitiba ainda ganhará quatro novos voos diários e regulares a partir de 11 de junho, pela Azul. As novas rotas terão como destino Guarulhos, Porto Alegre e dois voos para Brasília. A Jet Smart, companhia aérea de baixo custo, começou a operar voos entre Foz no Iguaçu, no Oeste do Paraná, e Santiago, no Chile. São dois voos semanais, às quintas-feiras e aos domingos. Do Aeroporto das Cataratas já saem voos diários para Lima, no Peru, operados pela Latam; e Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, da companhia boliviana Amaszonas. Em relação à ampliação da nova pista do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, a ordem de serviço será assinada na semana que vem. A ampliação custará 53 milhões e 900 mil reais e ficará pronta em 2021. (Repórter: Amanda Laynes)


Recomendar esta página via e-mail: