Rádio - Notícias

03/12/2019

Governador Ratinho Junior autoriza 78 milhões de reais para hospitais filantrópicos no Paraná


O governador Carlos Massa Ratinho Junior autorizou, nesta terça-feira, o repasse de 78 milhões de reais para hospitais filantrópicos do Paraná. Os recursos são destinados a obras e equipamentos. É o maior pacote financeiro unificado da história para as instituições, que atendem mais de 50% dos pacientes do SUS do Estado. Os recursos contemplam 33 instituições e 41 convênios de 29 cidades, em procedimentos de média e alta complexidade. O governador destacou que os investimentos planejados para a saúde têm como meta a regionalização do atendimento.// SONORA CARLOS MASSA RATINHO JUNIOR//O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, disse que até 2022 vão ser investidos cerca de 300 milhões de reais nos mais de 100 hospitais beneficentes do Paraná.// SONORA BETO PRETO//O presidente da Femipa, a Federação das Santas Casas de Misericórdia e Hospitais Beneficentes do Estado, Flaviano Feu Ventorim, disse que os convênios confirmados nesta semana amparam o déficit nos repasses federais do SUS, que comprometem investimentos por parte das instituições.// SONORA FLAVIANO FEU VENTORIM//Os municípios atendidos com obras em hospitais são Apucarana, Arapongas, Cambará, Campo Mourão, Cornélio Procópio, além de Curitiba, Jacarezinho, Londrina, Paranavaí, Rio Azul, Rio Negro, Turvo e Uraí. Entre os maiores convênios estão o do Hospital São Vicente em Curitiba, com 2 milhões de reais, e o Hospital Providência Materno Infantil de Apucarana, com 16 milhões e 600 mil reais. O prefeito de Apucarana, Sebastião Ferreira Martins, disse que as obras devem durar um ano e meio.// SONORA SEBASTIÃO FERREIRA MARTINS//O Honpar, Hospital Norte do Paraná, de Arapongas vai receber 16 milhões e 900 mil reais para um novo pronto-socorro. De acordo com o presidente da Associação Norte Paranaense de Combate ao Câncer, Umberto Tolari, a unidade vai ser uma das maiores do Estado e as obras devem durar 30 meses para acrescentar 100 novos leitos ao hospital. De acordo com ele, o Honpar tem 7.500 consultas por mês, de 800 a 1000 cirurgias por mês e 95% dos procedimentos são feitos pelo SUS.// SONORA UMBERTO TOLARI//Outro convênio com Arapongas prevê o investimento de 1 milhão e 500 mil reais na Santa Casa. A Santa Casa de Jacarezinho, responsável por atender 22 municípios da Região do Norte Pioneiro, conta com 118 leitos, completou 100 anos e recebeu 850 mil reais para obras. A Santa Casa é referência em traumatologia e neurocirurgia, e atende 5 mil pessoas por mês, de acordo com o presidente da instituição, Nilton José de Souza// SONORA NILTON JOSÉ DE SOUZA//Dos municípios contemplados, 23 vão receber equipamentos. Os maiores convênios são para o São Vicente de Paulo, em Guarapuava, as Santas Casas de Maringá e de Londrina, o Instituto de Saúde São Lucas de Pato Branco e o Hospital Angelina Caron de Campina Grande do Sul. Os recursos são para incubadoras, camas, respiradores, autoclaves, lavadoras, centrífugas, termodesinfectadoras, cilindros e focos cirúrgicos. Os novos equipamentos vão readequar centrais de materiais, centros cirúrgicos, postos de internação e UTIs pediátricas. (Repórter: Priscila Paganotto)


Recomendar esta página via e-mail: