Rádio - Notícias

13/09/2019

Começam os estudos para novo programa de concessões de rodovias do Paraná


Foi assinada nesta sexta-feira a ordem de serviço para o início dos estudos das Concessões de Rodovias Paranaenses. É o início do trabalho conjunto do Governo do Paraná e a União para modelagem do novo programa de concessões de rodovias. Ao todo, serão licitados pelo Governo Federal 4.100 quilômetros de estradas estaduais e federais até 2021. A expectativa é que este estudo fique pronto em nove meses. A autorização para início dos estudos foi assinada pelo secretário da Infraestrutura e Logística do Paraná, Sandro Alex, e por representantes do Ministério da Infraestrutura e da empresa contratada para execução do serviço. O secretário afirmou que o objetivo é chegar a um modelo transparente e funcional. // SONORA SANDRO ALEX // O novo programa de concessões incorpora ao conjunto de rodovias que formam os 2.500 quilômetros do Anel de Integração mais três importantes estradas estaduais: PR-092, Norte Pioneiro, PR-323, no Noroeste, e PR-280, na região Sudoeste. O futuro leilão também deve abranger os trechos paranaenses das BRs 163, 153 e 476. Roger Silva Pegâs, diretor de Transporte Rodoviário da Secretaria Nacional de Transportes Terrestres, afirmou que os investimentos previstos vão melhorar a integração da malha rodoviária. // SONORA ROGER SILVA // Arthur Lima, diretor-presidente da EPL, Empresa de Planejamento e Logística, responsável por realizar estudos de viabilidade para a concessão, considera que haverá redução da tarifa e também do número de acidentes. // SONORA ARTHUR LIMA // Para o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem, DER do Paraná, Fernando Furiatti, após o processo de concessão o Estado será destaque na qualidade das rodovias. // SONORA FERNANDO FURIATTI // O novo programa de concessões seguirá a lógica dos pedágios federais que já funcionam no Estado, unindo corredores em formato de mosaico. Os contratos com as atuais concessionárias foram assinados em 1997 e terminam em 2021. O polígono interliga Curitiba, Ponta Grossa, Guarapuava, Cascavel, Foz do Iguaçu, Campo Mourão, Maringá, Paranavaí, Londrina e Paranaguá. (Repórter: Rodrigo Arend)


Recomendar esta página via e-mail: