Rádio - Notícias

09/09/2019

Governo do Paraná e Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social discutem ações universidades em prol dos ODS


A Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior tem conversado com o Cedes, o Conselho Estadual de Desenvolvimento Econômico e Social, para construir ações em conjunto que valorizem a implementação dos 17 ODS, Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, nas universidades estaduais do Paraná. O conjunto de metas foi proposto pela ONU dentro da Agenda 2030. O superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Nelson Bona, destacou que o sistema estadual de ensino superior possui uma comunidade acadêmica de 110 mil pessoas que desenvolvem atividades de ensino, pesquisa e extensão. De acordo com ele, são mais de 1.500 projetos de extensão que atuam na melhoria da qualidade de vida da população.// SONORA ALDO NELSON BONA//O programa Universidade Sem Fronteiras, financiado pela Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, por meio da Unidade Gestora do Fundo Paraná, atende 361 municípios, beneficiando cerca 7 mil pessoas no Estado. As ações do programa visam o desenvolvimento da extensão, articulada ao ensino e à pesquisa, da capacitação e produção tecnológica, cultural e desenvolvimento social, voltadas para a inovação e a melhoria da qualidade de vida. São desenvolvidos 85 projetos de extensão nas sete universidades estaduais nas áreas prioritárias de educação; promoção à saúde; agricultura familiar e agroecologia; inovação e diversidade cultural; inclusão e direitos sociais. Para a vice-presidente do Cedes, Keli Guimarães, as universidades têm capacidade de contribuir para o alcance dos objetivos. De acordo com ela, os pesquisadores das diversas áreas das instituições têm experiência e conhecimento necessário para expandir ainda mais a agenda, fortalecendo o pioneirismo do Estado.// SONORA KELI GUIMARÃES//Buscando uma formação mais sustentável, o colegiado do curso da Administração da Unespar, a Universidade Estadual do Paraná no Campus Paranaguá, definiu, em 2017, que os ODS seriam aplicados em toda a grade de disciplinas por meio do PRME, Princípios para a Educação em Gestão Responsável, na sigla em inglês. Os alunos desenvolvem trabalhos voltados à comunidade usando os objetivos propostos pela ONU como base. Entre as iniciativas estão a reciclagem de coco verde, a formação de jovens em condições de vulnerabilidade e egressos do sistema penitenciário e o desenvolvimento da horticultura orgânica em comunidades carentes. (Repórter: Priscila Paganotto)


Recomendar esta página via e-mail: