Rádio - Notícias

13/08/2019

Paraná inicia novo ciclo de monitoramento da dengue


A Secretaria de Estado da Saúde voltou a publicar nesta terça-feira o boletim semanal da dengue, zika e chikungunya. Desde o final do mês passado, já são 43 casos de dengue confirmados em 13 municípios, além de 583 casos em investigação. Este é o início de mais um ciclo de um ano do acompanhamento da doença. O período anterior, encerrado no fim do mês passado, registrou 22.946 casos de dengue e 23 mortes pela doença. Também foram registrados 29 casos de chikungunya e 5 de zika vírus. Além do monitoramento, a Secretaria da Saúde apoia os municípios nas ações de prevenção, o que envolve principalmente a eliminação de criadouros de mosquitos. O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, reforça que o combate ao mosquito acontece durante todo o ano, mesmo nos períodos de frio, e depende da participação de todos. // SONORA BETO PRETO // A estimativa é de que 40% dos focos de água parada são entulhos, sucata e lixo doméstico; 29% vasos de plantas, fontes e bebedouros; 15% em água empoçada em imóveis; e 6% em pneus. Os municípios com maior incidência de casos de dengue no Paraná são Uraí, no Norte Pioneiro, com 44 casos para cada 100 mil habitantes. Depois, aparecem Bandeirantes, na mesma região, com 19 casos para cada 100 mil habitantes, e Amaporã, no Noroeste, com 16 casos por 100 mil habitantes. (Repórter: Rodrigo Arend)


Recomendar esta página via e-mail: