Rádio - Notícias

09/10/2018

Paraná investe em saúde mais que o determinado pela lei, aponta relatório apresentado pelo Estado na Assembleia Legislativa


O Paraná tem investido em saúde mais do que o determinado pela legislação. Nos primeiros oito meses deste ano, o Estado aplicou 12,71% das receitas correntes líquidas do período em ações e serviços de saúde, valor acima dos 12% determinados por lei. De maio a agosto deste ano, o montante ultrapassou 1 bilhão e 400 milhões de reais. Os números constam do relatório gerencial da Secretaria da Saúde apresentado na Assembleia Legislativa do Paraná nesta terça-feira. Segundo o secretário da Saúde, Antônio Carlos Nardi, os números reforçam a preocupação do Governo do Estado em garantir à população dos 399 municípios paranaenses serviços de qualidade. // SONORA ANTÔNIO CARLOS NARDI // Além do detalhar os investimentos e aplicação de recursos feitos pela Secretaria da Saúde, o relatório mostra os avanços obtidos em alguns indicadores, como o de mortalidade infantil. No ano passado entre os meses de maio e agosto, o índice era de 10,71 óbitos a cada mil nascidos vivos, e no mesmo período em 2018, o número caiu para 10,55 a cada mil nascidos vivos. O presidente da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa, deputado Doutor Batista, destacou a importância dos trabalhos da comissão e da divulgação dos investimentos feitos pelo Estado. // SONORA DOUTOR BATISTA // Também foram destaque na apresentação os recursos repassados para o fortalecimento da Rede Paraná Urgência, com a habilitação de mais 55 leitos de UTI disponíveis ao sistema público de saúde do Estado, o transporte de mais de 1.500 pacientes por meio do serviço Aeromédico e a entrega da 76 ambulâncias para os municípios. Outro resultado importante foi no número de doações de órgãos e transplantes. A meta inicial era atingir 27 doações por milhão de população, o que foi superado com um índice de 49 doações por milhão de população. Mais dados do relatório estão no site da Secretaria da Saúde, em www.saude.pr.gov.br. (Repórter: Rodrigo Arend)


Recomendar esta página via e-mail: