Rádio - Notícias

22/01/2018

Mais três universidades aderem ao Sistema Meta-4 e governo alerta UEM e UEL


Mais três universidades estaduais cumpriram as determinações do Governo do Paraná e vão entrar no sistema Meta-4, que gerencia a folha de pagamento de todos os órgãos públicos do Estado. As Universidades Estaduais de Ponta Grossa, do Oeste do Paraná e do Centro-Oeste decidiram na última sexta-feira pelo encaminhamento de informações pendentes à Secretaria de Administração e Previdência. Nesta segunda-feira, o secretário da Fazenda, Mauro Ricardo Costa, fez novo alerta aos reitores das universidades de Londrina, a UEL, e de Maringá, a UEM. Os gestores das duas instituições ainda resistem às determinações legais que exigem a adesão à plataforma. De acordo com o secretário, o grande desafio agora é incluir os dados das três universidades no Meta-4 o mais rapidamente possível para evitar atrasos no pagamento de servidores. // SONORA MAURO RICARDO COSTA // Neste mês, entrou em operação o novo Sistema Integrado de Finanças Públicas, o Novo SIAF, que traz mais transparência aos gastos e que só processa pagamentos incluídos no Meta-4. O secretário rechaçou o argumento de que, aderindo ao Meta-4, as universidades não teriam autonomia. // SONORA MAURO RICARDO COSTA // Na última sexta, o Governo do Paraná enviou ofício aos reitores para um novo alerta sobre a necessidade de atender a decisão do Tribunal de Contas do Estado e resoluções do Poder Executivo e enviar os dados para o Meta-4. A Lei de Diretrizes Orçamentárias para 2018 diz que todos os órgãos e unidades da Administração Direta e Indireta do Poder Executivo, integrantes dos orçamentos fiscal e de seguridade social, devem se integrar aos sistemas únicos de execução orçamentária e financeira e de processamento da folha de pagamento. (Repórter: Gustavo Vaz)


Recomendar esta página via e-mail: