Rádio - Notícias

13/09/2017

Paraná aumenta embarques e já é o quarto maior exportador do País


O Paraná exportou 12 bilhões e 410 milhões de dólares de janeiro a agosto deste ano, o que representou um aumento de 17,1% sobre o mesmo período do ano passado. Com isso, o Estado superou o Rio Grande do Sul, foi o que mais exportou na região Sul e passou a ocupar a quarta colocação no ranking do Brasil. Ficou atrás apenas de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Os dados são da Secretaria de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio. De acordo com o diretor-presidente do Ipardes, Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico Social, Julio Suzuki Junior, boa parte desse resultado se deve à diversificação da pauta de exportações, com crescimento dos embarques de automóveis, autopeças e celulose.// SONORA JULIO SUZUKI JUNIOR.// O agronegócio, conforme explicou o diretor-presidente do Ipardes, permanece como responsável pela maioria dos produtos exportados pelo Paraná e continua a crescer.// SONORA JULIO SUZUKI JUNIOR.// Mas, Julio Suzuki Junior também ressaltou que as a participação do agronegócio teve ligeira queda com o avanço da participação de produtos manufaturados nesse ano.// SONORA JULIO SUZUKI JUNIOR.// De janeiro a agosto, a receita de exportações de automóveis somou 653 milhões de dólares, 89% mais do que nos primeiros oito meses do ano passado. Os embarques de autopeças cresceram 52,5% e de veículos de carga aumentaram 56,8%. Os embarques de celulose também cresceram 135% nesse ano na comparação com o mesmo período do ano passado, passando de 347 milhões de dólares. Graças à entrada em operação da fábrica de celulose da Klabin em Ortigueira, na região dos Campos Gerais, que tem como um dos focos a atuação no mercado externo, a celulose já é o sexto produto mais exportado pelo Paraná. Nos primeiros oito meses do ano passado, o agronegócio respondia por 74,97% do total embarcado pelo Paraná. Nesse ano, a presença ficou em 72,04%. De janeiro a agosto, foram 8 bilhões e 940 milhões de dólares em exportação de produtos do agronegócio, 12,5% mais do que no mesmo período do ano passado. O Paraná ampliou embarques para os principais mercados. Para a China, principal destino dos produtos paranaenses, o Estado aumentou em 18,4% as exportações, para 3 bilhões e 530 milhões de dólares. Para a Argentina, foram enviados um bilhão e 339 milhões de dólares e para os Estados Unidos, 575 milhões de dólares. (Repórter: Amanda Laynes)


Recomendar esta página via e-mail: