Rádio - Notícias

14/07/2017

Ações do Governo do Estado consolidam Sistema Único de Assistência Social no Paraná


O Suas, Sistema Único de Assistência Social, completa 12 anos de criação neste sábado. Ele foi consolidado no Paraná com investimentos e programas realizados pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social. O aumento dos investimentos por meio do Fundo Estadual da Assistência Social e do programa Família Paranaense, que já atendeu 282 mil famílias em situação de vulnerabilidade social, são ações que fazem parte do Suas. Entre as iniciativas para fortalecer a política de assistência social no Paraná, a secretária da Família, Fernanda Richa, destaca que, em seis anos, o Governo do Estado aumentou os investimentos em 15 vezes. De acordo com ela, a gestão foi descentralizada em 22 escritórios regionais para atender às características de cada população e fazer chegar os serviços a quem mais precisa.// SONORA FERNANDA RICHA//Um exemplo da parceria entre órgãos públicos é o Renda Agricultor Familiar, parte do programa Família Paranaense. A ação foi colocada em prática com a localização e inserção das pessoas do Cadastro Único. Depois, com apoio do Instituto Emater foi levada a 348 famílias em 19 municípios e a meta até 2019 é chegar a 5 mil e 900 pessoas que vivem do campo. Para fortalecer a atuação dos profissionais do Suas, o Estado também investe na capacitação, preparando os técnicos para lidar com as particularidades de cada situação e apoiar as famílias na própria emancipação. Um exemplo é a equipe de assistência social que atende o município de Palmas, no Sul do Paraná. Segundo a psicóloga que compõe uma das equipes, Jully Francielli Cesca, foi melhorada a forma de fazer o acompanhamento familiar, com atividades diferenciadas.// SONORA JULLY FRANCIELLI CESCA//Outra ação para consolidar o Suas no Paraná, foi a estruturação da rede de atenção às pessoas em situação de vulnerabilidade social. O Estado conta com Centros de Referência e Assistência Social em 100% dos municípios. São mais de 2 mil e 200 equipamentos na rede socioassistencial. O novo Cras de Barracão, no Sudoeste do Estado, por exemplo, conquistou servidores e usuários em um ano de funcionamento. Segundo o coordenador da unidade, Carlos Gesner Alves, o espaço permite trabalhar com mais qualidade e aumentar a autoestima das famílias.// SONORA CARLOS GESNER ALVES//A unidade tem capacidade de atender até 2 mil e 500 pessoas da Região, com salas para os profissionais de assistência social, psicologia e pedagogia, e cômodos para oficinas de capacitação. Dentro do prédio, também tem a possibilidade de fazer o Cadastro Único, necessário para as famílias terem acesso aos programas sociais, o que torna mais rápidos os procedimentos. (Repórter: Priscila Paganotto)


Recomendar esta página via e-mail: