Rádio - Notícias

07/02/2017

Portos do Paraná vão priorizar aumento da competitividade, atendimento e baixo custo


Após garantir um aporte de investimentos públicos e privados que totalizam cerca de 4 bilhões de reais até 2020, a Appa, Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina, vai priorizar ações para garantir disponibilidade de atendimento, competitividade e baixo custo operacional nos próximos anos. O diretor-presidente da Appa, Luiz Henrique Dividino, participou nesta terça-feira do Fórum de Discussões Hidroviárias e Portuárias, e falou sobre “O Futuro dos Portos do Paraná”. O fórum propôs discussões sobre as perspectivas e soluções para o transporte hidroviário e portuário no Brasil. De acordo com o diretor-presidente, entre 2011 e o ano passado, foram investidos 2 bilhões e 600 milhões de reais nos Portos do Paraná, sendo 624 milhões de reais em investimentos públicos e outros 2 bilhões de reais em investimentos privados. Ele afirmou, ainda, que para os próximos anos, a expectativa é investir cerca de 4 bilhões de reais.// SONORA LUIZ HENRIQUE DIVIDINO//Luiz Henrique Dividino falou, ainda, sobre os gargalos logísticos e detalhou os projetos de expansão da Appa. No evento, também foram apresentados os projetos para a melhoria da infraestrutura portuária, aquisição de equipamentos, campanhas de dragagem e ações de desenvolvimento sustentável. O Fórum reuniu especialistas para debater os principais aspectos do transporte aquaviário, como a modernização da infraestrutura, regulamentação do setor, condições dos portos brasileiros, entre outros temas. Ele foi promovido pela Universidade Federal do Paraná, junto com o Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura, com apoio da Federação das Indústrias do Estado do Paraná. (Repórter: Priscila Paganotto)


Recomendar esta página via e-mail: