Rádio - Notícias

21/06/2016

Tarifa residencial da Copel vai cair 14,3 por cento


A tarifa residencial da Copel vai ter redução de 14,3 por cento a partir desta sexta-feira, conforme a revisão tarifária da companhia definida nesta terça-feira. O índice de redução beneficia todos os consumidores, mas varia de acordo com a classe de tarifa. Na média, a tarifa da Copel vai ficar quase 13 por cento mais barata, considerando clientes industriais, comerciais e residenciais. A redução da tarifa da Copel foi confirmada em reunião na Aneel, Agência Nacional de Energia Elétrica, nesta terça-feira, em Brasília, após análise da planilha detalhada da Copel que demonstra a possibilidade de reduzir a conta de luz no Estado. A diminuição foi possível graças ao aumento do nível dos reservatórios das usinas hidrelétricas. Com isso, grande parte das usinas térmicas, mais caras, foram desligadas, o que barateou o custo de produção da energia. O governador Beto Richa destacou a competência do trabalho realizado pelo Copel em todo o Estado.// A redução vai se refletir na vida dos paranaenses. Atualmente a média de consumo mensal de uma residência no Paraná é de 166 quilowatts hora por mês. Hoje, um cliente com esse consumo paga cerca de 125 reais. Após a redução, uma fatura com o mesmo consumo vai ficar em 108 reais. O diretor de distribuição da Copel, Antônio Guetter, disse que reduzir a conta de luz significa contribuir para o desenvolvimento do Estado. //SONORA ANTÔNIO GUETTER.// Além da redução na tarifa para todos os consumidores da Copel no Estado, aqueles que atenderem os requisitos para fazer parte do Programa Luz Fraterna podem ter a conta de luz paga integralmente pelo Governo do Estado. (Repórter: Léo Coelho)


Recomendar esta página via e-mail: