Rádio - Notícias


05/01/2016
Cerca de 2 milhões de veranistas já passaram pelo Litoral do Estado desde o dia 23 de dezembro

Cerca de 2 milhões de veranistas passaram pelo litoral paranaense desde o dia 23 de dezembro, quando foi lançada a operação Verão Paraná 2015/2016. Com a operação, que segue até o Carnaval, em 10 de fevereiro, o Governo do Estado intensifica as ações nas áreas da segurança pública, saúde, meio ambiente, saneamento, energia e turismo para melhor atender aos moradores e veranistas que aproveitam a temporada de verão no litoral paranaense. Entre os dias 23 de dezembro e 3 de janeiro, o Corpo de Bombeiros fez 358 salvamentos e 319 resgates de banhistas nas praias. Também foram registrados 39 afogamentos e duas mortes. Nos primeiros dez dias da Verão Paraná, a Polícia Militar prendeu 109 pessoas e apreendeu 11 adolescentes. Uma preocupação do governo estadual é com a saneabilidade das areias das praias e das trilhas do litoral do Estado. De 23 a 31 de dezembro, a Sanepar, que é responsável pelo serviço, recolheu mais de 179 toneladas de resíduos sólidos. O abastecimento de água durante a temporada 2016 está ocorrendo normalmente, mas a Sanepar orienta que seja evitado o desperdício de água tratada. Para melhorar o atendimento na área da saúde, a operação Verão Paraná deve fortalecer a retaguarda de atendimento de urgência e emergência no litoral durante a temporada. O Governo do Estado repassou 2 milhões e 500 mil reais diretamente às prefeituras da região para a contratação temporária de profissionais de saúde para reforçar as escalas nos hospitais e unidades de saúde dos municípios litorâneos. Além do atendimento hospitalar, as ações na área também incluem deslocamento de helicóptero, ambulâncias, equipamentos e medicamentos para dar suporte aos principais hospitais e prontos socorros da região. (Repórter: Léo Coelho)






Salvar