Rádio - Notícias

14/01/2015

Governador Beto Richa sanciona lei que cria quatro novas regiões metropolitanas no Paraná


O governador Beto Richa sancionou a criação de quatro novas regiões metropolitanas no Paraná. As sedes são Apucarana, Campo Mourão, Cascavel e Toledo. Agora, são oito as regiões metropolitanas no Estado. As quatro novas se juntam às de Curitiba, Umuarama, Londrina e Maringá. O governador afirma que essas ações vão garantir maior acesso às políticas públicas, e permitir um maior desenvolvimento dos municípios. // SONORA BETO RICHA // A criação da Região Metropolitana amplia o potencial de atração de investimentos. Por serem áreas com população maior, as regiões conseguem financiamentos que os municípios, sozinhos, não teriam. Com a proximidade da metrópole, os pequenos municípios reforçam o status e passam a ter mais oportunidades, e a desigualdade entre as cidades tende a diminuir. A integração do transporte coletivo e de sistemas de saneamento básico e o acesso aos serviços públicos também são benefícios para toda a população. Cada região será gerida por um conselho com cinco membros indicados pelo Estado e pela Prefeitura da cidade-sede, além de um conselho consultivo formado por representantes de todos os municípios participantes. Os dois conselhos devem elaborar planos de desenvolvimento integrado e executar programas e projetos comuns. Cascavel terá a maior das novas regiões metropolitanas, com 23 cidades e 500 mil habitantes. Já Apucarana e região concentram uma população de 300 mil pessoas. O prefeito de Apucarana, Beto Preto, ressaltou a importância da criação da região metropolitana. // SONORA BETO PRETO // A região metropolitana de Campo Mourão conta com 24 cidades e concentra uma população aproximada de 340 mil habitantes. Já a região de Toledo reúne 18 municípios com uma população de aproximadamente de 350 mil habitantes. (Repórter: Rodrigo Arend)


Recomendar esta página via e-mail: